Arquivo para a tag: the x factor

The X Factor estreia neste domingo no Canal Sony

by

The-X-Factor-U.S-Season

O reality musical mais famoso do Reino Unido e do mundo está de volta ao Canal Sony no dia 28 de agosto, domingo, às 21h55. Em sua 11ª temporada, a versão original de The X Factor contará com um quarteto de jurados poderoso.

Estão de volta à bancada a cantora Nicole Scherzinger, os veteranos Sharon Osbourne e Louis Walsh, além de Simon Cowell, criador do formato.

Pela primeira vez na história do programa, todos os jurados já venceram ao menos uma temporada – o que promete deixar essa ainda mais emocionante e disputada.

Além disso, após um ano longe, o apresentador Dermot O’Leary também reassume seu posto no comando da competição.

 

The X Factor: um formato consagrado

O sonho dos candidatos ao prêmio do The X Factor começa já na etapa de audições. Para garantir a participação no Bootcamp e passar para o temido Six Chair Challenge, eles precisam impressionar a bancada e mostrar todo o seu potencial.

Nas apresentações nas casas dos jurados, penúltima etapa do programa, os mentores escolhem os melhores talentos de cada categoria, que seguem na competição e se apresentam em grandiosos shows ao vivo.

Nessa fase final do reality, as eliminações ocorrem semanalmente, por meio da votação do público, até a definição do grande vencedor da temporada.

Além das apresentações dos próprios candidatos, o programa conta ainda com performances marcantes de famosos nomes da música internacional.

Já passaram pelo palco do The X Factor cantores como Adele, Lady Gaga, Katy Perry, Rihanna, Ed Sheeran e Justin Bieber.

Ao longo da temporada, artistas convidados se juntam ao time de jurados para auxiliá-los nas fases de seleção.

Sucesso mundial, The X Factor coleciona histórias de sucesso por onde passa, caso dos fenômenos One Direction, Little Mix, Olly Murs, Cher Loyd, Sam Bailey e Fleur East, além de Fifth Harmony na versão americana do programa. Ao todo, eles já alcançaram a marca de 200 milhões de vendas, incluindo mais de 200 posições de liderança nas paradas internacionais.

The X Factor, no Canal Sony
Domingos e segundas-feiras, às 21h55
#TheXFactorNoSony

Finais AO VIVO: The X Factor e The Voice no Canal Sony

by

the-voice-season-9-coaches

Responsáveis por compor a plataforma musical do Canal Sony, The X Factor e The Voice, em suas 12º e 9º temporadas, respectivamente, vão revelar seus vencedores na terceira semana de dezembro. As finais dos dois programas serão transmitidas AO VIVO pelo canal e farão parte de uma programação especial com quatro horas de duração por noite.

No domingo, 13 de dezembro, a partir das 16h, o Canal Sony exibe as últimas apresentações dos candidatos finalistas ao The X Factor e, a partir das 18h, a grande final AO VIVO irá revelar o vencedor desta edição. Contudo, eles não serão as únicas atrações da noite. Simon Cowell e seu time de jurados trazem ao palco do programa a cantora Sia e a banda Coldplay.

Já na terça-feira, 15 de dezembro, a partir das 22h, é a vez do The Voice trazer para o público as últimas apresentações de seus concorrentes. E logo após, às 00h, o Canal Sony exibe a final AO VIVO, quando os jurados Adam Levine, Blake Shelton, Gwen Stefani e Pharrell Williams saberão quem foi o artista escolhido para levar o grande prêmio da competição. O show da noite final será da cantora Sia.

Por conta da transmissão ao vivo, as duas finais não terão legendas disponíveis.

SERVIÇO
Canal Sony
-The X Factor – 12º Temporada | Dia 13/12, domingo: últimas apresentações às 16h / FINAL AO VIVO às 18h
– The Voice – 9º Temporada |Dia 15/12, terça-feira: últimas apresentações às 22h / FINAL AO VIVO às 00h

Reprises com legenda
– The Voice – 9º Temporada | Dia 16/12, quarta-feira, às 22h30
– The X Factor – 12º Temporada | Dia 17/12, quinta-feira, às 23h30

Canal Sony traz finais de temporada de The Voice e The X-Factor ao vivo no Brasil

by

The-X-Factor-U.S-Season

Nos dias 14 e 16 de dezembro, o canal Sony Entertainment Television apresentará ao vivo, as finais de dois dos maiores sucessos da TV mundial: The X-Factor e The Voice.

The X-Factor vai ter sua final exibida ao vivo no Canal Sony no dia 14/12 (domingo), às 22h30 (horário de verão de Brasília), enquanto que a final de The Voice acontece no dia 16/12 (terça-feira), também no horário das 22h30 (horário de verão de Brasília). As duas finais contarão com duas horas de duração e transmissão simultânea com o Reino Unido e Estados Unidos, com interação da audiência em tempo real, através das redes sociais.

Os candidatos de Gwen Stefani, Adam Levine, Pharrel e Blake Shelton disputarão ao vivo com performances especiais, tudo para ser o grande vencedor da 7ª temporada do The Voice. Já em The X-Factor, quem será o vencedor de cada categoria? Isso ficará por conta dos jurados Louis Waish, Cheryl Cole, Mel B e Simon Cowell, que terão essa difícil missão.

Via assessoria de imprensa

The X Factor UK estreia no Canal Sony no dia 9 de setembro

by

The-X-Factor-U.S-Season

O Canal Sony, através de sua conta no Twitter, informa que o reality The X Factor UK estreia no Brasil no dia 9 de setembro (terça-feira), às 22h30 (horário de Brasília). O programa marca a volta de Simon Cowell na TV brasileira, além de ser a primeira vez que o programa será exibido na TV brasileira (antes apenas o The X Factor USA foi exibido). Veja a seguir o teaser promocional do canal.

 

+info

Demi Lovato confirma a sua saída de The X Factor

by

demi-lovato-the-x-factor

Agora é oficial. Demi Lovato está deixando a bancada de jurados de The X Factor (Fox), após o final da atual temporada, que acontece hoje (19).

Depois de duas temporadas no programa, a cantora vai refocar a suas prioridades na sua carreira musical em 2014. Ontem (18), rumores publicados pelos principais sites norte-americanos indicavam essa decisão, que foi confirmada pela própria cantora na noite de ontem, nos bastidores do programa, após as performances finais da atual temporada.

Palavras de Demi Lovato:

Eu deixo (o programa) para começar um novo capítulo em minha vida. Eu comecei esse programa sendo uma cantora e uma musicista, e agora é hora de voltar a fazer isso. Estou muito empolgada por 2014, pois eu vou me dedicar completamente à música.

Enquanto as permanências de Kelly Rowland e Paulina Rubio ainda são incertas (e até mesmo a renovação de The X Factor padece de confirmação), Simon Cowell afirma que já tem alguém em mente para substituir Lovato na bancada de jurados. “Tenho alguém em mente que nós queríamos no programa a algum tempo, e essa pessoa está disponível. Definitivamente, não vou dizer para vocês quem é, mas é alguém espetacular”, afirma Cowell.

A final da terceira temporada de The X Factor será exibida hoje, às 23h, ao vivo, no Canal Sony.

Via

Rumor: Demi Lovato de saída do The X Factor?

by

demi-lovato-the-x-factor

Ainda não temos nada de oficial, logo, temos que tratar essa informação como um rumor. Tudo indica que a cantora Demi Lovato deve deixar a bancada de jurados de The X Factor (Fox), caso o programa seja renovado para uma próxima temporada.

Uma fonte próxima do TVLine afirma que “ela planeja usar o próximo ano (2014) para se focar completamente em sua música”. A informação se alinha com o que foi publicado em entrevista para a revista People no mês passado. Vale lembrar que Lovato vai lançar um novo álbum em março, com turnê começando em fevereiro, inclusive com shows confirmados no Brasil.

Para a People, Lovato afirmou:

Ultimamente, eu acredito que meu principal ofício é cantar. Talvez eu faça cinema de vez em quando, e isso se aparecer os papéis certos”.

Lovato é jurada de The X Factor nas duas últimas temporadas, e a Fox (por razões óbvias) se recusa a comentar o assunto. Mesmo porque qualquer anúncio oficial só deve ser feito após o término da atual temporada, cuja finale acontece amanhã (19).

Também é importante lembrar que Simon Cowell também esboça deixar o programa caso uma hipotética quarta temporada aconteça. E colocamos no campo hipotético pois, na prática, ninguém sabe se a Fox vai encomendar uma quarta temporada de The X Factor.

Com índices de audiências muito baixos nessa temporada, não é certo que o programa será renovado. Mesmo assim, Simon Cowell afirmou na semana passada que “o programa volta para a próxima temporada”. Nas temporadas anteriores, a essa altura do ano, a sua renovação já estava confirmada pela Fox.

Caso novas informações sobre o assunto apareçam, deixaremos vocês atualizados.

Via TVLine, TV Guide

Simon Cowell afirma que The X-Factor será renovada

by

SimonCowell_900-600-04-13-12

Os temores sobre a não renovação do reality musical da Fox são infundados. Pelo menos é o que afirma Simon Cowell, produtor e jurado do programa.

“O programa voltará ano que vem”, afirmou Simon em entrevista nessa segunda-feira (16). A Fox ainda não se manifestou oficialmente sobre o assunto, mas é provável que The X-Factor realmente seja renovada para a próxima temporada, com uma ligeira mudança no formato: ao invés de 3 horas semanais, o programa passaria a ter 2 horas semanais, especialmente depois das audições.

Sobre a atual edição do programa, Simon disse “O programa começou ok. A fase da seleção das quatro cadeiras foi incrível. O começo dos shows ao vivo foi ok. E as duas últimas semanas foram fantásticas!”.

Finalmente, o produtor se mostrou satisfeito com o desempenho dos artistas nessa edição. “Como uma série, particularmente por causa dos talentos e pelo que Alex & Sierra conseguiram no iTunes nas últimas semanas, acredito que o programa atingiu seu objetivo principal, que era encontrar uma estrela”.

A apresentação do Top 3 do The X-Factor acontece nesta quarta-feira (18) e o vencedor da atual temporada do programa será revelado nesta quinta-feira (19). No Brasil, o Canal Sony vai exibir as fases finais do programa nos dias 17, 18 e 19 de dezembro, incluindo a final ao vivo, com transmissão simultânea com os EUA.

Via

[Audiência nos EUA] 05-12-2013 | A Noviça Rebelde deu vitória expressiva para a NBC

by

the-sound-of-music

Como resolver os problemas de audiência de um canal de TV? Simples: coloca a Carrie Underwood para fazer a Noviça Rebelde. A NBC enfrentou ontem (05) toda uma programação original, e apostou no especial de 3 horas de duração, o tão falado The Sound of Music Live! E se deu muito bem.

Foram 18.5 milhões de telespectadores na média geral de audiência para o especial, com uma demo de 4.6. É a maior audiência de um evento não esportivo da NBC em uma noite de quinta-feira desde maio de 2004 (quando o final da série Fraiser alcançou 22.6 milhões na audiência geral), e é a melhor demo de um evento não esportivo da NBC desde abril de 2009 (com o final de temporada de E.R., com 5.2).

Exceto pelos 30 minutos que enfrentou o sempre campeão de audiência The Big Bang Theory no começo da noite (4.6 vs 4.3 na demo), o especial musical da NBC registrou pelo menos o dobro dos números de 9 entre 11 eventos exibidos pelos canais abertos norte-americanos. Ou seja, para todo mundo que criticou Carrie Underwood nas redes sociais por causa do making of do programa… CHUPA!

Aliás, por conta desse sucesso todo do musical, a NBC já deu sinal verde para a produção de outro especial do gênero, Evita Live!, que será protagonizado por outra estrela country, Taylor Swift.

Enquanto isso, na CBS, The Big Bang Theory foi o único programa que fez frente à Noviça Rebelde da NBC, com 15.3 milhões na audiência, e demo de 4.6. Mesmo assim, perdeu 19% e 13% respectivamente. The Millers (9.4 mi/2.5) perdeu três décimos, The Crazy Ones (7.7 mi/2.1) perdeu um décimo na demo, e Two and a Half Men (8.3 mi/2.3) ganhou dois décimos. Por fim, Elementary (8.2 mi/1.8) perdeu 9% na sua audiência, mas se manteve estável na demo.

Na ABC, Once Upon a Time in Wonderland (3.6 mi/1.0) teve leve aumento na audiência geral, e um décimo na demo. Grey’s Anatomy (7.5 mi/2.4) perdeu 13% de sua audiência e dois décimos na demo, registrando mais uma vez a pior audiência da história da série. Por fim, Scandal (8.6 mi/3.1) ganhou dois décimos na demo, sendo esta a mais elevada das últimas seis semanas.

Por fim, os que registraram as maiores quedas. A CW exibiu um inédito de The Vampire Diaries (2.26 mi/1.0), perdendo 16% e 23%, respectivamente, e Reign (1.65 mi/0.6) perdeu 8 e 14%. Na Fox, The X Factor (4.8 mi/1.3) perdeu 13% em relação ao seu último episódio antes da pausa para os feriados, e o fall finale de Glee (3.2 mi/1.2) registrou queda de 22% na audiência, sendo estes os piores números da história da série.

Via

A pergunta que não quer calar: The X Factor será renovada para a quarta temporada?

by

sony_x_factor_2013

Por mais que o meu amigo @edu_sacer conte para si mesmo a mentira que The X Factor (Fox) é o melhor reality musical da atualidade #SoQueNunca, a verdade é uma só: o programa não dá, nem de perto, a audiência sonhada pelos executivos da Fox.

Se a terceira temporada do programa ofereceu uma nova mecânica para a definição dos finalistas (o “desafio das quatro cadeiras”) e uma bancada de jurados mais harmoniosa e menos arrogante, por outro lado, a combinação dos novos jurados se mostrou claramente desequilibrada, principalmente quando vemos as escolhas infelizes da Sra. Paulina Rubio (algumas delas claramente étnicas). Mas não é exatamente isso que atrapalha o programa.

O que mais coloca em xeque o futuro de The X Factor nos EUA é a sua baixíssima audiência. O programa registrou os seus piores índices nessa temporada, e sua média de audiência já é consideravelmente inferior em relação à temporada anterior. Mais: quando competiu com o seu adversário direto no segmento (The Voice, NBC), foi simplesmente massacrado, ficando com 2/3 a menos de público em relação ao programa das cadeiras.

E piora: não bastando ter tantos problemas, o programa ainda comete erros técnicos, exibindo números de votação errados, promovendo uma segunda noite de performances, e fazendo com que o telespectador perca o seu tempo, para uma primeira noite de apresentações que não serviu para absolutamente nada.

Mas nem tudo é desgraça para The X Factor. Segundo o Entertainment Weekly, fontes do canal Fox revelam que já existem negociações para uma renovação para a quarta temporada. Segundo o site, a ideia do canal é oferecer uma temporada mais curta do programa, deixando apenas uma exibição semanal, tal como acontece hoje com Dancing with the Stars (ABC). Parte dos argumentos para a Fox renovar The X Factor está na razoável audiência que o programa deu no começo da atual temporada (média de 7.3 milhões de audiência, e demo 18-49 anos de 2.4), que foi muito maior do que a maioria das novas séries do canal.

Por outro lado, o mesmo EW informa que, diferente dos anos anteriores (quando a renovação de The X Factor foi anunciada de forma antecipada, nas primeiras semanas da temporada), a decisão sobre a renovação ou cancelamento do programa só vai acontecer depois que a atual temporada acabar.

E você? O que acha? Será que a Fox vai renovar The X Factor, mesmo perdendo nessa temporada metade de sua audiência (a média atual é de aproximadamente 4 milhões de telespectadores, com demo de 1.5)?

…e deu “M” no episódio de The X Factor USA de ontem (sem trocadilhos)

by

X-Factor-USA-2013

Pense na seguinte situação: você tem um reality musical que precisa se firmar na grade da Fox, já vem de episódios onde as audiências foram as mais baixas da temporada, e uma jurada que não só comete erros de escolha (baseados até em critérios étnicos, dizem alguns), mas também gafes homéricas. Do que mais você está precisando? Que a Fox exiba os números de votação ERRADOS!

Pois é… foi exatamente isso o que aconteceu com The X Factor USA na noite de ontem (06).

Explicando o que aconteceu (para quem não viu): o sistema de exibição de gráficos (o gerador de caracteres da tela) cometeu um dos erros mais bizarros da história dos reality shows, exibindo números incorretos de votação para o telefone na tela durante a recapitulação das performances no final do episódio de ontem.

Para garantir a isenção dos resultados (que seriam revelados no programa de hoje, quinta-feira, 07 de novembro de 2013), cada um dos candidatos que formam o Top 13 do programa terão que cantar as suas músicas destinadas ao “Save Me”, como uma segunda performance valendo para a votação, no lugar das performances destinadas ao programa de eliminação.

Para completar, parte do programa (de 1h de duração) será ocupado para a promoção do CD de estreia da vencedora da primeira temporada do The X Factor USA, Melanie Amaro. Ou seja, mais corrido, impossível.

Os resultados dos votos computados pelas performances de hoje serão revelados no começo do programa da próxima quarta-feira (13), onde só aí teremos o primeiro eliminado, estabelecendo assim o Top 12, que apresentarão os hits da década de 1980.

Em resumo: por causa do erro gráfico da Fox, ninguém será eliminado no programa de hoje. Todos vão se preparar durante uma semana, mas um deles sequer vai poder apresentar a sua música na semana que vem, pois será eliminado antes das performances começarem.

Coincidentemente, The X Factor USA vai enfrentar hoje o seu principal concorrente na TV, The Voice (NBC), que vai promover o seu anúncio de resultados da fase de Playoffs. Tem gente nos Estados Unidos já achando que Simon Cowell “simulou” essa situação, imaginando que um programa com novas performances terá um desempenho melhor na audiência do que um programa de eliminação (que, convenhamos, só vale pelo segmento final de anúncio do eliminado, que dura no máximo os últimos 3 minutos de um programa de 60 minutos).

Vale lembrar que, se realmente Simon fez um movimento para provocar essa situação, ele não deve ter entendido o recado claro que a audiência nos Estados Unidos deu na última vez que The X Factor USA enfrentou The Voice no mesmo horário. Isso raramente acontece, mas na última vez que aconteceu, foi um massacre: The Voice ficou com 11.4 milhões na audiência geral, e demo 18-49 anos de 3.5, enquanto que The Voice conseguiu apenas 4.8 milhões, com demo de 1.5 (uma das audiências mais baixas da temporada).

Também é importante lembrar que outros programas já entenderam que o programa de eliminação é uma grande perda de tempo. Dancing With the Stars (ABC) já adota nessa temporada a solução do “vamos resolver tudo em uma noite”, e até American Idol (Fox) decidiu reduzir em 30 minutos o programa de eliminação, para deixar o programa mais objetivo.

Pense em tudo isso, Simon Cowell.

Via THR

[Audiência nos EUA] 12-09-2013 | The Million Second Quiz segue em queda, e The X Factor reage

by

million_second_quiz_a_l

A segunda noite da terceira temporada de The X Factor exibida ontem (12) mostrou que o programa deu sinais de recuperação, com a Fox vencendo na demo 18-49 anos, mas ainda registrando queda em relação à audiência da última temporada.

O episódio de 2 horas de duração teve uma média na demo 18-49 de 2.2, com uma audiência geral de 6.8 milhões. A demo subiu em relação à estreia, mas ainda é uma queda de 30% em relação ao mesmo episódio da temporada passada (3.1 na demo). Entre a primeira e a segunda hora do episódio, The X Factor conseguiu registrar um aumento significativo de audiência, o que nos leva a crer que “nem tudo está tão perdido assim” para Simon Cowell e sua turma.

Diversas afiliadas dos canais CBS e ABC transmitiram o jogo da rodada de quinta-feira da NFL. Daquelas que exibiram a programação normal, a CBS registrou um aumento de audiência com Big Brother (2.6 na demo, 7.4 milhões na audiência). Na média da noite, o canal teve uma demo de 1.9, com uma média de 6.7 milhões na audiência.

Na ABC, o season finale de Rookie Blue registrou aumento de audiência em relação ao episódio exibido na semana passada (ficou nessa semana com uma demo de 1.4, e audiência geral de 5.7 milhões). Na média da noite, o canal ficou com os mesmos 1.4 na demo 18-49, mas com uma audiência de 5.1 milhões.

Pela quarta noite consecutiva, The Million Second Quiz registra queda de audiência na NBC. O episódio de ontem registrou uma demo de 1.1, e apenas 4.22 milhões na audiência, o que representa uma queda de 15% e 18%, respectivamente. Para um programa que foi considerada uma aposta altíssima do canal do pavão, e com todo o investimento feito, já podemos considerar que MSQ está bem próximo de ser considerado um fracasso.

Piora a situação o fato que uma reprise de Hollywood Game Night ter uma audiência bem próxima do inédito game show apresentado por Ryan Seacrest, com uma demo de 1.0. No final das contas, a NBC teve uma média geral da noite de apenas 1.0, e 4 milhões na audiência.

Por fim, a CW segue vivendo de reprises, ficando com 0.2 na demo 18-49, e 656 mil testemunhas na média geral. E sim, de novo a CW perdeu na audiência para as latinas Univision (1.3 na demo, e 3.3 milhões na audiência) e Telemundo (0.4 na demo, e 1.1 milhão na audiência).

Via THR, TV Series Finale

[Audiência nos EUA] 11-09-2013 | The X Factor estreia a 3ª temporada com baixa audiência

by

x_factor_season_3_premiere

A grande novidade da noite de ontem (11) na TV norte-americana foi a estreia da terceira temporada de The X Factor na Fox. Porém, as notícias para Simon Cowell e sua turma não são nada animadoras. Comparada à estreia do ano passado, o reality musical perdeu 22% de sua audiência no episódio de estreia, sendo esse o início de temporada com mais baixa audiência da curta história do programa.

A demo 18-49 anos do primeiro episódio de The X Factor foi de apenas 2.1, com 6.4 milhões de audiência. Em 2012, a estreia da segunda temporada (que contava com Britney Spears como grande trunfo) registrou uma demo 18-49 de 3.4. O season finale em dezembro de 2012 rendeu uma demo de 3.1. Ou seja, eles perderam 1 ponto na demo entre as duas. E isso, porque é o começo da temporada. Essa audiência deve cair ainda mais.

Entre a primeira e a segunda temporada, The X Factor perdeu 25% na demo 18-49. Com os 22% de ontem, podemos dizer que de cada duas pessoas que começaram a ver o programa em 2011, uma já abandonou. A diferença em 2013 está apenas nos programas que enfrentou: no ano passado, a premiere de The X Factor teve que enfrentar as audições de The Voice, e nesse ano, eles enfrentaram um episódio inédito de The Big Brother.

Falando na CBS, Big Brother derrotou The X Factor, com uma demo de 2.2, e uma audiência de 6.7 milhões. Porém, a noite foivencida pela Fox na audiência geral, com a season finale de MasterChef. O programa de competição culinária de Gordon Ramsay rendeu para o canal da raposa uma demo de 2.5, registrando um aumento em relação à semana anterior. A média geral da Fox foi de 6.2 milhões na audiência, e 2.2 na demo 18-49.

A CBS ficou em segundo lugar na média geral, com o já citado Big Brother. O Canal ficou com uma demo média de 1.5, e audiência de 5.9 milhões.

A NBC continua sofrendo com The Million Second Quiz. Com os demais canais voltando com suas produções, e sem eventos esportivos para exibir na noite de ontem, o game show apresentado por Ryan Seacrest segue entregando a fraca demo de 1.2, com audiência de 5.2 milhões. O programa chegou a perder em audiência para a reprise de Shark Tank, exibida no mesmo horário pela ABC.

Já America’s Got Talent salvou a noite do canal do pavão, com uma demo de 2.1, e a maior audiência geral da noite entre os canais abertos, com 9.8 milhões. Já o season finale de Camp se limitou à demo de 0.9.

ABC e CW só exibiram reprises. A ABC ficou com uma demo 18-49 de 1.0 e 3.6 milhões de audiência, enquanto que a CW ficou com uma demo de 0.3, com 1.04 milhão de audiência. A Univision ficou com uma demo de 1.3 e audiência de 3.4 milhões, e o Telemundo registrou 1 milhão de audiência, e demo de 0.4.

Via TVLine

[Especial] The X Factor US: começa hoje a luta pela sobrevivência do programa?

by

the_x_factor_55943

Começa hoje (11) nos Estados Unidos a terceira temporada do reality musical The X Factor (Fox) – no Brasil, a estreia acontece no dia 17 de setembro, no Canal Sony. Para muitos, essa é a temporada do “ou vai, ou racha”. O programa não emplacou, registrando uma audiência abaixo do esperado nas duas primeiras temporadas. E muitos nos EUA se perguntam se realmente vale a pena renová-lo para uma quarta temporada.

O site TV Guide publicou um interessante artigo sobre o assunto, e nesse post, vamos abordar alguns pontos. Eles começam dizendo que, quando The X Factor chegou aos Estados Unidos, a reação inicial da imprensa foi “por que?”. E (infelizmente), três anos depois, essa pergunta persiste. Para começar, a temporada 2013 do programa já terá uma natural queda de visibilidade, com a saída de Britney Separs. Sobre L.A. Reid, convenhamos, ninguém se importava com ele mesmo. Logo, aqui temos um ganho.

Simon Cowell permanece no programa. Até porque ele é criador, produtor executivo, “Deus todo poderoso” e agora, pai (logo, precisa ficar para pagar as contas). Demi Lovato também permanece, e deve trazer visibilidade ao programa, já que está em grande evidência nos Estados Unidos nesse momento. Nesse ano, Kelly Rowland (que já foi jurada na versão britânica de The X Factor) e a cantora latina Paulina Rubio completam a bancada de jurados. Além disso, Mario Lopez continua como apresentador, mas dessa vez, sem a companhia da robótica Khloe Kardashian.

Com as mudanças, a audiência tende a abandonar o barco (sem falar nos fãs de Britney, que já fizeram isso a essa altura do campeonato). O problema não é nem quem entrou ou quem saiu, mas sim, o programa em si. A seguir, veja cinco motivos listados pelo pessoal do TV Guide para que muitos acreditem que essa pode ser a última temporada de The X Factor.

1. É redundante
Quer que o seu reality competition dê certo? Siga os passos de The Voice, ou de America’s Got Talent, ou de The Sing-Off. Ou até mesmo de um programa de menor visibilidade chamado American Idol. Francamente, The X Factor passa a impressão de ser uma imitação pálida e mal feita do combinado de outros programas do gênero, sem apresentar nada de novo ou diferente. Fora o fato de ser pior e mais apelativo em alguns aspectos que os demais programas.

2. Não é vendável
The X Factor é transparente sobre os seus objetivos: descobrir um astro da música, que seja popular, e tornar esse artista potencialmente vendável na indústria fonográfica. Entretanto, a vencedora da primeira temporada, Melanie Amaro, não é um nome de destaque na música norte-americana, e o vencedor da segunda temporada, Tate Stevens, se tornou apenas mais um sopro de frescor nos catálogos de música country, não recebendo muito destaque com o seu álbum de estreia. Ambos são talentosos – não temos dúvidas disso -, mas não são realmente reconhecidos como “superstars”, como aconteceu com Carrie Underwood e Kelly Clarkson, ou mesmo como a boy band oriunda do The X Factor U.K., One Direction. Pior: Amaro e Stevens são menos populares que finalistas que perderam o American Idol, como Jennifer Hudson e Adam Lambert, por exemplo.

3. Não gera audiência
Até mesmo o final da temporada 12 de American Idol, que foi a pior de todos os tempos, com a mais baixa audiência em um finale do programa (14.3 milhões) teve maior audiência que a última final de The X Factor, que empacou em 9.65 milhões. As competições de canto na TV são as que mais provam o seu sucesso e envolvimento do público de forma prioritária através da audiência, e como esses programas alcançaram o ponto de saturação na TV norte-americana (todo canal tem, hoje, pelo menos um programa do gênero), o espectador simplesmente se cansou. Ou seja, se está difícil para American Idol, que é o mais bem sucedido da história, imagine para The X Factor?

4. O interesse será ainda menor
Com a saída de Britney Spears no final da segunda temporada, também foi embora a esperança do programa se redimir de uma desastrosa primeira temporada. Sem falar que até o interesse dos competidores deve diminuir, pois o alardeado prêmio de US$ 5 milhões para o vencedor (descrito como o maior prêmio da história da TV) foi reduzido para módicos US$ 1 milhão (além do contrato de 1 ano com a gravadora responsável pela produção do programa). E em bora Cowell tentasse justificar a redução para um valor “mais razoável” pelo desejo de encontrar artistas que querem ser artistas, e não milionários instantâneos, é impossível não pensar que a decisão também está aliada à descrença da Fox no programa.

5. Falta de consistência
The X Factor só recebeu uma terceira temporada porque o programa passou por revisões e alterações importantes. Porém, a falta de continuidade e consistência no elenco (jurados e apresentadores) gera apenas uma imagem ruim, já que o público nunca sabe o que realmente pode esperar do programa, que precisa ter uma sequência nesses aspectos. A reação inerte do público e a incapacidade de deixar uma marca clara na TV significa que está faltando no programa o que eles tanto tentam promover: o fator X.

The X Factor estreia hoje (11) nos Estados Unidos, com uma premiere dupla (2h de duração), na Fox.

Boa sorte para eles. Vão precisar.

Com informações do TV Guide

Mário Lopez confirmado em The X-Factor

by

mario-lopez

 

E depois de alguns meses de especulações Simon Cowell, criador do reality e o canal Fox confirmaram o retorno de Lopez e a demissão de Khloé Kardeshian do cargo de apresentadora do programa.

Dando assim a oportunidade de Lopez comandar o show de maneira solo em sua terceira temporada.

Simon declarou:

Apresentar um programa ao vivo e manter os jurados, especialmente a Demi, na linha, não é um trabalho fácil, mas Mario é um profissional e estamos contentes com o seu retorno”.

Com essa notícia permanece ainda a dúvida sobre quais serão os nomes que se juntarão á Simon e Demi Lovato nos dois lugares vagos na bancada de jurados. Os nomes mais fortes no momento são os de Ne-Yo, Kelly Rowland e Courtney Love.

A nova temporada de The X-Factor estréia na Fall Season.