Ruben Fleischer, diretor de Venom, disse em julho de 2018 que ia mostrar ao público o personagem mais violento da Marvel. Pois bem, ou ele mentiu para nós, ou não combinou isso com a Sony.

Meses depois dessa declaração, agora sabemos que a Sony qualificou o filme como PG-13 (para maiores de 13 anos) e não R (para adultos). Tom Hardy foi convencido pelo filho a interpretar Venom, e agora terá que dizer para ele que este é um filme do tipo “quanto mais gente pagar, melhor”.

A Sony não entende que filme bom não depende de classificação etária. Deadpool e Logan são ótimos exemplos de filmes R que lotaram as salas de cinema, mesmo com toda a violência que tais filmes apresentam.

Um motivo para Venom rebaixar a sua classificação etária pode ser o Homem-Aranha. A ideia é que, no futuro, os dois personagens se encontrem, e poderia ser um problema um foco adulto exclusivo para Venom, ainda mais para um Homem-Aranha nas mãos da Marvel/Disney.

Por outro lado, também sabemos que o filme terá a duração de 112 minutos. Felizmente, é menos de duas horas. Mas pode ser pouco para mostrar as origens de Eddie Brock. Mas vamos esperar para ver se este é um bom filme.

Venom tem no seu elenco Tom Hardy, Michelle Williams, Riz Ahmed, Jenny Slate, Reid Scott e Woody Harrelson, entre outros. Estreia nos cinemas dos EUA em 5 de outubro.

 

+info