Recapitulando: Phil Lord e Christopher Miller foram demitidos pela Disney do posto de diretores do spin-off de Star Wars focado em Han Solo. Ron Howard assumiu a missão, finalizou o filme e até batizou o longa: Solo: A Star Wars Story.

Agora, sabemos que Howard teria regravado cerca de 80% desse filme. Se isso aconteceu, os custos de produção simplesmente dobraram.

Não se sabe quanto Solo vai custar, mas Rogue One custou US$ 200 milhões. Ou seja, o spin-off de Han Solo pode ser o mais caro de toda a saga Star Wars, podendo alcançar US$ 400 milhões.

Sabemos que, quando Lord e Miller foram demitidos, todo o filme estava gravado e pronto para entrar em pós-produção, de modo que os números astronômicos especulados fazem sentido.

Solo: A Star Wars Story estreia em maio de 2018 e, a partir de agora, precisa ser um sucesso de bilheteria de qualquer maneira.

 

+info