65th_emmy_awards

Em uma temporada onde ótimas minisséries e telefilmes estrearam, com produções com qualidade grandiosa e histórias incríveis, nada mais natural que os elencos se destacassem. Nessa categoria, entre freiras, homossexuais, políticos, jornalistas e perdidos… todos se salvaram. Principalmente o espectador, que pode aproveitar o talento em conjunto deles todos.

American Horror Story: Asylum (FX)
Uma temporada soberba, com um elenco espetacular. Não dá para imaginar a temporada Asylum de American Horror Story com outro elenco. Tudo muito redondo, ajustado, sincronizado. É difícil até pensar em alguém que foi abaixo da média. E olha, que tivemos Adam Levine (que mal apareceu) e Dylan McDermot (que muita gente torce o nariz). Favorito na categoria.

Behind The Candelabra (HBO)
Um filme muito bem executado, que contou com Michael Douglas em uma performance surpreendente, e Matt Damon, como um excelente co-protagonista. Talvez não leve essa categoria justamente pelos dois atores se destacarem muito dos demais, mas sempre vale a pena recomendar a produção. Por eles, e pelos demais.

Political Animals (USA Network)
Capitaneado pela competente Sigourney Weaver, o elenco de Political Animals conseguiu colocar o espectador no ambiente da trama, e em algumas vezes fez com que o mesmo participasse da situação exibida na cena, e sem utilizar de recursos como a quebra de quarta parede. Uma trama densa, que falava de política de forma competente, e com um elenco que fazia você se importar com o que estava acompanhando na tela da TV.

The Hour (BBC America)
Sofrendo com a estigma de poder ser comparada a qualquer momento com The Newsroom (mesmo sendo lançada no Reino Unido antes da série da HBO), The Hour tem como um dos seus trunfos a competência do seu elenco, que repete a fórmula de situar o espectador no ambiente onde os acontecimentos da série ocorrem.

Top of the Lake (Sundance Channel)
Com uma proposta peculiar de narrativa, a série contou com o seu elenco em sintonia (e com nomes como Elizabeth Moss e Holly Hunter) para conquistar os votantes do Emmy Awards. Até porque muito da série está na capacidade do seu elenco em ajudar a contar essa história.