Está difícil entender o que se passa pela cabeça do pessoal da LucasFilm e da Disney. Depois da saraivada de críticas que Star Wars: Os Últimos Jedi recebeu, Rian Johnson ficou como responsável pela próxima trilogia. E agora, depois de tantas críticas à temporada final de Game of Thrones, David Benioff e D.B. Weiss foram anunciados como os roteiristas do primeiro filme dessa nova trilogia, que tem data de estreia prevista para 16 de dezembro de 2022.

Falta apenas um episódio para Game of Thrones chegar ao fim, e o anúncio que veio da boca do CEO da Disney, Bob Iger, soa como grande prêmio pelo trabalho realizado pela dupla na série épica da HBO. E isso acontece em um momento em que os dois não são exatamente as pessoas mais amadas do mundo do entretenimento, pelo menos entre os fãs da série que acaba no próximo domingo, 19 de maio.

As provas do sentimento de ódio incontido no coração dos fãs são consistentes, como a façanha de colocar a imagem dos dois no Google Imagens, com uma associação direta com a expressão “roteiristas ruins”, além da petição no Change.org para que a HBO refaça a oitava temporada inteira (algo que, convenhamos nunca vai acontecer).

Iger também afirmou que o intervalo de três anos entre A Ascensão Skywaler e o filme roteirizado por Weiss e Benioff “é o tempo adequado para que todos possam ter um respiro e reiniciem antes do próximo filme”.

Para ajudar os fãs na difícil missão de espera entre um filme e outro, o Disney+ vai estrear diferentes séries ambientadas no universo Star Wars, incluindo The Mandalorian, produzida por Jon Favreau.

Vamos ver o que essa combinação audaciosa de Rian Johnson e a dupla D & D vai render para Star Wars. Pode ser que a LucasFilm/Disney realmente saibam o que estão fazendo, e somos nós que estamos comendo bola e não entendendo a genialidade dos envolvidos.

Ou quem sabe eles gostam mesmo de viver perigosamente.

Comentários

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui