A Marvel fez um bom trabalho ao mostrar apenas o necessário nos trailers de Vingadores: Ultimato, com o objetivo de disparar as expectativas do público, mas sem revelar muito sobre o que está por vir. Mas agora fica a dúvida se o que vimos até agora realmente estará no filme.

Os irmãos Russo confirmaram que incluíram alguns planos de cena que não vão aparecer na edição final do filme. E não é a primeira vez que isso acontece: em Capitão América: Guerra Civil e Vingadores: Guerra Infinita, os vídeos promocionais incluíram ou removeram detalhes que no filme estavam em informações diferentes.

Joe Russo explicou os motivos para essa decisão:

“Falamos sobre todas as escalas de marketing. A coisa mais importante para nós é preservar a surpresa da narrativa. Quando eu era uma criança, eu assisti O Império Contra-Ataca às 11 da manhã no dia da estreia. Me emocionou tanto porque eu não sabia nada sobre a história que eu ia assistir. Queremos replicar essa experiência.”

Os irmãos Russo já haviam falado sobre esse tema antes, e esclareceu que criou o material especificamente para o trailer, e explicaram porque manipularam o público dessa forma:

“Vemos o trailer como uma experiência muito diferente à do filme, e o público de hoje é tão preditivo que é preciso ser muito inteligente sobre como dar forma ao trailer, pois a audiência pode assistir ao vídeo e basicamente dizer o que vai acontecer no filme. Nós consumimos muito conteúdo. Temos aqui diferentes planos que não estão no filme e que podemos manipular através dos efeitos visuais para contar uma história que queremos contar para o trailer e não para o filme.”

Manipulados ou não, a verdade é uma só: teremos salas de cinema lotadas a partir do dia 25 de abril, que é quando Vingadores: Ultimato estreia de forma oficial. É, de longe, o filme mais esperado de 2019. E isso porque estamos em um ano que ainda vai receber Toy Story 4, o remake live action de O Rei Leão e o último filme da franquia Star Wars.

 

 

Via Geek Tyrant