Bem, (quase) toda a gangue estará lá. Em uma nova entrevista, a atriz Tori Spelling, integrante do elenco original de Beverly Hills 90210, confirmou que o “conjunto completo” está relacionado ao revival da série, com a notável exceção de Shannen Doherty.

Falando com o Access Live, Spelling – que interpretou Donna Martin tanto na série original da Fox quanto no revival subsequente da CW – falou sobre o envolvimento de Doherty: “Não há status agora, mas… nós adoraríamos contar com ela.”

Spelling também observou que o veterano Luke Perry, apesar de não assinar oficialmente devido ao seu compromisso atual com Riverdale (The CW), “fará tantos episódios quanto puder”.

Spelling observa que o projeto não é um revival ou um reboot tradicional, mas sim um drama de estilo mockumentary que encontraria o elenco principal da série – incluindo Jennie Garth, Jason Priestley, Tori Spelling, Ian Ziering, Brian Austin Green e Gabrielle Carteris – interpretando “versões maduras de nós mesmos” enquanto tentam fazer dar certo um novo Beverly Hills 90210.

A atriz também revelou que a potencial série – que nesse momento não tem um canal para a sua exibição – também apresentaria cenas do falso reboot dentro do mockumentary.

Mike Chessler e Chris Alberghini, que trabalharam primeiro reboot, em 90210 (The CW) serão os roteiristas e os produtores executivos da série. A dupla também criou So NoTORIous, a comédia com formato similar que durou uma temporada no VH1 em 2006.

É claro que os nostálgicos gostariam de um revival de Barrados no Baile, e com certeza os fãs mais convictos gostariam de ver Brenda de novo na série. Mas acredito também que vários coleguinhas do elenco preverem evitar alguns problemas que a atriz poderia trazer com ela.

De qualquer forma, fica a pergunta que se faz mais presente nos dias de hoje: precisamos mesmo de um reboot/revival de Beverly Hills 90210? Será que ela ainda tem apelo em 2019?