Finalmente, temos um trailer de American Horror Story: Apocalypse.

Depois do lançamento do teaser no mês passado, agora temos uma prévia sobre como será a oitava temporada da antologia, que será um crossover das temporadas Murder House e Coven.

A temporada 8 de American Horror Sotry estreia em 12 de setembro, e conta com um elenco de peso: Sarah Paulson, Jessica Lange, Kathy Bates, Evan Peters, Emma Roberts, Taissa Farmiga, Cody Fern, Adina Porter, Cheyenne Jackson, Billy Eichner, Leslie Grossman, Billie Lourd, Stevie Nicks, Connie Britton, Frances Conroy, Dylan McDermott e Joan Collins.

Ryan Murphy já confirmou que vários atores vão interpretar mais de um papel em Apocalypse, onde nos casos de Paulson e Peters, além dos dois que interpretaram em Murder House e Coven, terão novos personagens. Lembrando que a temporada se passa no futuro.

Mesmo com o trailer se referindo ao fim do mundo, vale lembrar que a série foi renovada para uma décima temporada, ou seja, pelo menos mais dois anos de American Horror Story.

Essa já é a série mais bem sucedida da carreira de Ryan Murphy. Era para ser Glee, mas os acontecimentos acima do controle do showrunner (e até mesmo a falta de visão e direcionamento para a trama) fizeram com que a série musical da Fox se perdesse com o passar do tempo.

Porém, um detalhe importante que American Horror Story tem e Glee não tinha era a liberdade criativa. O FX deixa Ryan Murphy e Brad Falchuck explorarem suas respectivas mentes doentias de forma livre e irrestrita, e isso é ótimo para essa franquia.

Logo, a única coisa que pode impedir efetivamente a vida longa para American Horror Story é o novo acordo de Murphy com a Netflix. Por contrato, os projetos já ativos antes desse acordo continuam, mas bem sabemos como as coisas podem mudar.

Outra possibilidade é o fim do próprio FX, por conta do acordo de compra da 20th Century Fox por parte da Disney. Os canais Fox vão desaparecer ao redor do mundo, menos nos EUA. E não sabemos o que a Disney fará com o FX.

De qualquer forma, vida longa e próspera (por enquanto) para o fim do mundo de American Horror Story.