Síndrome da morte anunciada. Eu já sabia. O óbvio. Previsível. Muitos poderão usar as palavras ou frases de efeito que quiser, mas fato é que deixa aquele certo vazio no estômago saber que Marvel’s Daredevil está oficialmente cancelada, após três temporadas.

A Netflix confirmou para o TVLine que mais uma série baseada em um herói da Marvel está com o seu ciclo encerrado no serviço de streaming, deixando fãs de todo mundo órfãos sem uma quarta temporada da trama.

O comunicado enfatiza que “mesmo sendo doloroso para os fãs” (como se estivessem em partes jogando a bola para a torcida), a plataforma está orgulhosa com a última temporada da série, e sentem que esta foi a melhor forma de encerrar a trama.

De fato, a (agora) temporada final de Daredevil que estreou na Netflix em 19 de outubro foi amplamente elogiada pela crítica e pelo público, dando uma sensação de que a narrativa corrigiu problemas e deu avanços que eram necessários para que a história seguisse atraente. Talvez por isso o gosto amargo do cancelamento logo agora.

Fato é que não podemos dizer que jamais poderíamos imaginar que isso iria acontecer nesse momento. O anúncio desse cancelamento é uma das coisas mais esperadas de 2018, já que acontece apenas seis semanas depois que a mesma Netflix anunciou o cancelamento de outras duas séries de heróis da Marvel na plataforma, Luke Cage e Punho de Ferro.

Ou seja, nem precisamos dizer que é a Disney dizendo adeus à Netflix aos poucos. Quando a empresa do Mickey anunciou a sua plataforma de streaming própria (a Disney+), ela afirmou que as séries da Marvel que eram exclusivas da Netflix permaneceriam na plataforma. Porém, isso não quer dizer que elas não seriam canceladas um dia.

Agora, só resta Jessica Jones dentro do pacote original. A terceira temporada dessa série estreia em breve. Já The Punisher está com a segunda temporada pendente de lançamento.

Mas já me arrisco a dizer que nenhuma série de heróis da Marvel estará no catálogo da Netflix quando o Disney+ estrear.