Mais rápido do que poderíamos prever. Durou pouco mais de 24 horas a passagem de Kevin Hart como apresentador do Oscar 2019. O comediante decidiu deixar a função depois de toda polêmica relacionada com o seu histórico de declarações homofóbicas nas redes sociais.

“Eu decidi escolher deixar a função de apresentador do Oscar 2019 (sic)… porque eu não quero ser uma distração em uma noite que deveria ser celebrada por aristas tão incríveis e talentosos”, afirmou o ator e o comediante em sua conta no Twitter na noite de ontem (6). “Eu peço sinceras desculpas para a comunidade LGBTQ por minhas palavras insensíveis ditas por mim no passado.”

A decisão de Hart veio quase uma hora depois dele publicar um vídeo no Instagram, onde ele diz: “Eu quero aqui dizer que eu telefonei para a Academia (de Cinema de Hollywood), e no telefonema, eles disseram: ‘Kevin, peça desculpas pelos seus tweets do passado, ou nós vamos retirar você e encontrar um novo apresentador.’ E eu decidi seguir adiante. Seguir adiante no pedido de desculpas. Eu agradeço a oportunidade (de apresentar o Oscar), e se eles quiserem seguir em frente, tudo bem, sem ressentimentos.”

Pouco depois do anúncio de Kevin Hart como apresentador da 91a edição dos Academy Awards (que vai acontecer no dia 24 de fevereiro de 2019), o seu passado homofóbico veio a tona. Ontem (6), o Buzzfeed informou que Hart havia iniciado a remoção de suas mensagens mais ofensivas, incluindo uma de 2011, que diz: “Se o meu filho vem para casa e tenta brincar de casinha com minhas filhas, eu quebro a cabeça dele, e grito ‘para com isso, isso é gay!'”.

Nem precisava me estender muito em comentários sobre o episódio. Kevin Hart perdeu (talvez) a grande oportunidade de sua carreira, e em seu melhor momento. E considerando o histórico recente com James Gunn, o resultado seria previsível (não só a visão da Academia de Cinema, mas pelo fato do Oscar ser exibido pela ABC).

Nem dá muito para defender o Kevin Hart nessa. Especialmente porque ele mesmo entendeu que suas declarações foram fortes e começou a apagar as mensagens.

De qualquer forma, um novo apresentador do Oscar 2019 deve ser anunciado nas próximas horas.