Faltou gente no In Memorian do Oscar 2018! E não foi peixe pequeno. Foi gente do porte de ninguém menos que Adam West, o Batman da década de 1960.

O ator, que também emprestou sua voz para filmes de animação como O Galinh Chicken Little, faleceu em junho de 2017, aos 88 anos. Apesar de sua carreira ser majoritariamente focada na televisão, seria algo elitista por parte da Academia deixar de lado profissionais que não se destacaram no cinema.

Ainda mais em um ano em que astros da TV brilharam no Oscar. E atores de cinema figuram na TV.

 

 

Outras ausências sentidas foram a do cineasta Tobe Hooper, diretor de Poltergeist (há quem afirma que o verdadeiro diretor desse filme é Steven Spielberg, mas não há um consenso sobre isso) e a da atriz Dorothy Malone, vencedora do Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante por Palavras Ao Vento.

Outros que também foram esquecidos no In Memorian do Oscar 2018 foram John Mahoney, Powers Boothe, Reg E. Cathey, Nelsan Ellis, Della Reese, Robert Guillaume e Glen Campbell (cantor, mas com muitos créditos como ator). Chris Cornell, que compôs e interpretou You Know My Name (de 007: Casino Royale), também não foi lembrado.

No ano passado, o In Memorian também fez lambança. Incluiu a foto da produtora Jan Chapman, que segue viva, no lugar da designer de vestuário Janet Patterson.