Todo mundo sabe o quanto eu gostei de How to Get Away With Murder, especialmente nas duas primeiras temporadas. O drama protagonizado por Viola Davies mostrava que queria sair do lugar comum, sendo intensa, ousada, visceral e inteligente. Tudo indicava para mais um megahit da ABC.

Porém, ao longo das temporadas, a série foi perdendo força na audiência e na sua narrativa, caindo na mesmice de outros dramas do gênero, e nem mesmo Viola Davies fez com que eu continuasse na série. Ao meu ver, é hora de acabar. Mas sempre existem argumentos contra e a favor do cancelamento.

E é isso que eu quero mostrar nesse post.

 

 

A SÉRIE: How to Get Away With Murder (5a temporada, ABC)

 

Por que salvar?

Primeiro de tudo: é a série do cliffhanger. Poucas séries na TV atual usam desse recurso narrativo tão bem. E seria uma vergonha a série chegar ao fim com um final ambíguo, especialmente com um dos seus personagens principais.

Além disso, diante do cenário narrativo apresentado, o melhor cenário possível para How to Get Away With Murder é encerrar a série em uma sexta e última temporada. Mesmo porque é muito complexo manter a longevidade de uma série com uma narrativa tão complicada. Mas a série merece um final digno, tanto para Analise como para os estudantes de direito que vão iniciar as suas próprias carreiras.

 

 

Por que cancelar?

Basicamente porque a série não dá mais audiência. Sua média na quinta temporada é de 2.8 milhões na audiência total, e 0.7 na demo 18-49 anos. O drama perdeu bons 25% dos seus números alcançados na temporada anterior, e é o drama com pior audiência da ABC nesse momento. Recentemente, registrou o seu recorde negativo. E, o pior tudo: o quão desesperada está a ABC em manter no ar a todo custo as séries da Shonda Rhimes enquanto ela está focando todas as suas energias na Netflix nesse momento?

Nos aspectos criativos, a série desandou nas últimas temporadas, incluindo na atual quinta temporada. Mesmo com grandes plot twists, as revelações antecipadas pela correria da narrativa entregaram resultados cada vez menos satisfatórios. Se for para renovar para uma temporada final, que ao menos eles acertem na mão na hora de escrever essa última história.