As trilhas sonoras dos filmes da DC realmente se destacam, sendo inclusive melhores que alguns filmes. Hans Zimmer é um dos principais responsáveis por esse sucesso todo, mas ele não produz nenhuma obra musical dentro desse universo cinematográfico desde The Dark Knight de Christopher Nolan.

Pois bem, ele decidiu quebrar a promessa de abandonar o cinema de super-heróis, ao assumir a composição da trilha sonora de Mulher-Maravilha 1984. E essa é uma notícia que todos comemoram: além de ser um gênio no seu trabalho, ele vai trabalhar ao lado da genial Tina Guo.

O seu argumento para mudar de ideia foi querer uma música muito mais feminina para a Mulher-Maravilha, e o novo filme se apresenta como um desafio para alcançar esse objetivo.

E assim, em 1 de novembro de 2019, teremos um filme dos anos 80 com a encantadora Diana de Themyscira, enfrentando a Cheetal (Kristen Wiig), com a direção de Patty Jenkins e com a música de um dos melhores compositores para o cinema da atualidade.