O Grammy Awards 2019 começa daqui a pouco, mas já temos alguns vencedores anunciados.

As categorias secundárias da premiação foram anunciadas hoje (10), em um evento antes da cerimônia principal, onde “Shallow”, de Lady Gaga com Bradley Cooper (para o filme Nasce Uma Estrela) já levou um prêmio: Melhor Canção Composta para Mídia Visual. Gaga também venceu na categoria Melhor Performance Solo de Poppor “Joanne (Where do you think you’re goin’?)”.

Ariana Grande venceu como o Melhor Álbum Pop Vocal por “Sweetener”. A cantora ainda está indicada em duas categorias com esse disco, mas não vai comparecer ao evento e desistiu de se apresentar ao vivo na premiação desse ano.

A seguir, a lista dos primeiros vencedores do Grammy Awards 2019. Lembrando que a cerimônia principal começa daqui a pouco, às 23h, e terá transmissão no Brasil do canal TNT.

 

 

Principais vencedores da pré-cerimônia

  • Melhor Álbum de comédia: “Equanimity & The Bird Revelation” – Dave Chapelle
  • Melor Álbum de Teatro Musical: “The Band’s Visit” – The Band’s Visit
  • Melhor Álbum de Música Alternativa: “Colors” – Beck
  • Melhor Composição Instrumental: “Blut und boden (Blood and soil)” – Terence Blanchard
  • Melhor Engenharia de Som de Álbum Não-Clássico: “Colors” – Beck
  • Melhor Álbum Instrumental Pop: “Steve Gadd Band” – Steve Gadd
  • Melhor Compilação de Trilha Sonora para Mídia Visual: “The greatest showman” – “O rei do show”
  • Melhor Trilha Sonora para Mídia Visual: “Pantera Negra” – Ludwig Goransson (compositor)
  • Melhor Canção Composta para Mídia Visual: “Shallow” – Lady Gaga, Mark Ronson, Anthony Rossomando e Andrew Wyatt
  • Melhor Álbum Folk: “All ashore” – Punch Brothers
  • Melhor Álbum de Pop Latino: “Sincera” – Claudia Brant
  • Melhor Clipe: “This is America” – Childish Gambino
  • Melhor Vídeo Musical Longo: “Quincy” – Quincy Jones, Alan Hicks e Rashida Jones
  • Melhor Performance Solo de Pop: “Joanne (Where do you think you’re goin’?)” – Lady Gaga
  • Melhor Álbum Pop Vocal: “Sweetener” – Ariana Grande
  • Melhor Gravação Dance: “Electricity” – SilkCity e Dua Lipa (com participação de Diplo)
  • Melhor Performance de Rock: “When bad does good” – Chris Cornell
  • Melhor Álbum de Rock: “From the fires” – Greta Van Fleet
  • Melhor Canção de Rock: “Masseduction” – St. Vincent (compositores: Jack Antonoff e Annie Clark)
  • Melhor Performance de Rap: “King’s dead” – Kendrick Lamar, Jay Rock, Future e James Blake; “Bubblin” – Anderson Paak
  • Produtor do Ano, Não-Clássico: Pharrell Williams