Golden Globe

Como sempre, a lista de indicados ao Golden Globe Awards 2018 não agradou a todos. Algumas surpresas foram bem agradáveis, mas há decepções para todos os gostos.

Nesse post, vamos resumir as alegrias e tristezas entre as indicações desse ano.

 

 

As surpresas na TV

Muitos se surpreenderam com as indicações recebidas por SMILF e The Marvelous Mrs. Maisel na categoria Melhor Série de Comédia. A maioria só descobriu que elas existem por causa dessas indicações.

O revival de Will & Grace receber uma indicação nessa categoria é outro ponto inesperado. Até porque, no elenco, só Eric McCormack foi indicado.

Na interpretação, Jessica Biel (The Sinner), Jason Bateman (Ozark), Freddie Highmore (The Good Doctor), Kevin Bacon (I Love Dick), David Thewlis (Fargo), Katherine Langford (13 Reasons Why) e Sterling K. Brown (This Is Us) merecem destaque por suas indicações.

 

 

As surpresas no cinema

 

Os votantes dos Golden Globes com certeza foram os primeiros no planeta Terra a assistir ao filme ‘Todo o Dinheiro do Mundo’. Só isso explica as três indicações, incluindo para melhor diretor (Ridley Scott) e melhor ator (Christopher Plummer, que substitui Kevin Spacey de última hora).

Helen Mirren (The Leisure Seeker) é uma surpresa relativa. Ninguém contava com a 15ta indicação da atriz nos Golden Globes. Denzel Washington (Roman J. Israel, Esq) também era inesperado (Jake Gyllenhall, por ‘Stronger’ era mais esperado).

Ansel Elgort (Baby Driver) chegou a causar desconforto em alguns. I, Tonya como melhor filme de comedia ou musical também, e The Greatest Showman resultou na indicação para Hugh Jackman que deveria vir de Logan, mas não veio.

 

 

As ausências televisivas

 

Aqui, o mais chamativo é a ausência completa de Mindhunter, uma das mais destacadas da temporada, ainda mais com David Fincher no projeto. Outras ausências habituais, como The Americans, The Leftovers e Halt and Catch Fire foram mais uma vez confirmadas.

Por outro lado, foi bom ver os nomes de Alison Brie (Glow) e Kyle MacLachlan (Twin Peaks) entre os indicados. Mas não ver ninguém do elenco de Game of Thrones mencionado nas listas é algo bem estranho.

Outras ausências chocantes foram o completo desaparecimento de Veep e Transparent. Nem Julia Louis-Dreyfus foi indicada dessa vez. No caso de Transparent, a situação de Jeffrey Tambor não ajuda muito.

Por fim, a elevada competitividade explica que séries como The Good Place, Better Things, Godless, The Deuce ou The Good Fight fiquem de fora das indicações. Também faz falta na lista Milo Ventimiglia (This Is Us) e Mary Elizabeth Winstead (Fargo).

 

 

As ausências cinematográficas

 

Três filmes que são fortes candidatos ao Oscar 2018 foram esnobados no Globo de Ouro nas categorias Roteiro e Direção: Get Out e Call Me By Your Name. Lady Bird ficou de fora na direção, mas recebeu menção em roteiro.

Também chama a atenção a ausência de Phantom Thread em várias categorias. A única indicação importante foi para melhor ator (Daniel Day-Lewis). The Big Sick também foi ignorado por completo, mesmo com boas críticas.

Detroit foi mais um filme esquecido, e Logan, a despedida de Hugh Jackman como Wolverine, também caiu no vácuo da ignorância. No final das contas, valeu a ‘lógica’. Mulher-Maravilha, outro filme com expectativas pouco realistas, também foi ignorado.

Mudbound e Downsizing são filmes que até conseguiram destaque, mas se esperava muito mais visibilidade para os dois. Até Last Flag Flying ainda se deu bem com a indicação para Steve Carell, mas não foi além disso.

Também vale a pena destacar as ausências de Michael Stuhbarg por Call Me By Your Name como melhor ator coadjuvante, e Jennifer Lawrence por Mother!. Se bem que, nesse segundo caso, só J-Law poderia ser indicada. O filme em si não ajuda.