Francamente, eu nem preciso dizer que tem spoilers do episódio S08E05 de Game of Thrones. E se você ainda não assistiu ao episódio depois de mais de 24 horas do mesmo no ar, me desculpe, mas você não é fã de Game of Thrones, e você merece perder na vida. A internet não esperou dez minutos para sair comentando o que viu, e tem spoilers dos envolvidos até nos Trending Topics do Twitter.

Logo, não reclama.

Dito isso, os fãs estão divididos entre quem gostou de tudo o que viu, e aqueles que constataram o cúmulo de incoerências argumentais maquiadas de descarado fan service. Porém, o que é inegável é que o episódio entregou toneladas de mortos.

Por isso, esse post tenta fazer uma contagem dos cadáveres mais significativos para a trama.

 

 

Todos os mortos em The Bells

 

 

Lord Varys: o personagem teve uma evolução rara nas últimas temporadas, mas voltou a ser carismático e essencial na reta final. Bem a tempo para ser executado/queimado vivo pelo dragão da Dany.

Euron Gravejoy: um dos antagonistas mais inúteis da série, e muita gente desejou que ele fosse morto antes. E isso aconteceu pelas mãos de Jaime.

Qyburn, The Hound e The Mountain: vai em um pacote porque eles morreram praticamente na mesma sequência, fechando de forma genial o arco de The Hound com um duelo esperado por anos. É um dos motivos para ver The Bells.

Cersei e Jaime Lannister: as mortes mais barulhentas entre os fãs. Todo mundo esperava a morte dos dois, mas algumas inconformidades sobre como tudo aconteceu e o tamanho da incoerência para o comportamento habitual dos dois personagens foram os motivos para as reclamações dos fãs na internet. Os dois terminam presos nas passagens subterrâneas, e ambos morrem abraçados e sepultados pelos escombros.

 

 

Todo o King’s Landing: uma cortesia da (agora) rainha louca Daenerys. Uma vez que o povo se rendeu, ela subiu no dragão e fez churrasco de todo mundo. Ou melhor, quase todo mundo: Arya Stark sobreviveu de forma milagrosa, dando a entender que ela acabou de receber mais uma missão na vida. Quem sabe a sua última missão.

 

 

Ou seja, em 19 de maio, já podemos afirmar que o series finale de Game of Thrones será bem intenso.