Era de conhecimento público que a compra da Fox por parte da Disney teria muitas consequências. Projetos cancelados e demissões em vários setores. E o facão começou a rolar por lá, com o fim da Fox 2000.

A decisão chegou depois que a Disney optou por manter tanto as marcas 20th Century Fox (ou 21st Century Fox) como Fox Searchlight, o que deixou a Fox 200 sem espaço. Essa divisão foi criada em 1999, e era especializada em adaptar novelas de sucesso, como Com Amor, Simon e O Diabo Veste Prada.

 

 

Mais demissões no futuro

 

 

Os projetos que já estavam em andamento na Fox 2000 serão conluídos, mas nenhum outro será iniciado. Ou seja, teremos sim The Art of Racing in the Rain com Kevin Costner emprestando a voz ao cachorro protagonista, ou The Woman in the Window, novo longa de Joe Wright com Amy Adams e Gary Oldman no elenco.

Porém, Elizabeth Gabler, chefe da Fox 2000 e todo o seu time não receberam as cartas de demissão por parte da Disney, o que quer dizer que todos eles ainda contam com um lugar na empresa. Já outros executivos da Fox receberam o aviso prévio pouco depois da absorção ser concluída.

A Disney espera economizar US$ 2 bilhões em 2021, onde a maior parte dessa economia viria das demissões de antigos membros do time da Fox.

 

Via Hollywood Reporter