blade runner 2049

Blade Runner 2049 foi uma das grandes estreias de 2017, e os US$ 252 milhões arrecadados em todo o planeta poderiam agradar os seus responsáveis. Só que não: nos EUA, foi um fracasso comercial.

O filme alcançou a liderança no mercado norte-americano, mas com uma estreia de apenas US$ 32 milhões nas bilheterias. Para um filme que custou US$ 150 (mais custos em publicidade), ter apenas US$ 89 milhões no mercado doméstico sete semanas depois de sua estreia é a prova do desastre.

Denis Villeneuve, diretor do filme, falou sobre essa decepção, que ele ainda está digerindo. Ele não entende como o filme, que foi o mais elogiado que ele fez, teve bilheterias tão decepcionantes. Para ele, ter toneladas de dinheiro não é o suficiente, e reconhece que o universo em particular de Blade Runner não era muito familiar ara ele. E um filme de 2h44 não dever ter ajudado muito no processo.

O diretor também entende que não há tantos fãs de Blade Runner como eles pensavam, ou tantos fãs interessados em ver uma segunda parte da história, e que eles gastaram demais com pouca gente. Lembrando que o filme original também foi um fracasso comercial.

Villeneuve demonstra ser uma ingênua vítima das críticas, como se boas resenhas pudessem fazer com que um filme se torne um sucesso de bilheteria. Pode até ter uma relação, já que alguns filmes precisam de boas críticas para encontrar seu público. Mas faz tempo que Hollywood mostra que é bem possível fazer filmes que são um monte de montanhas de lixo (aka Transformers) e ganhar montanhas de dinheiro em troca.

Por outro lado, o cineasta reconhece um erro tardio: ele faz filmes, mas não os vende.

As produtoras deveriam refletir sobre essas palavras, já que são elas que decidem o que mostrar ou não nos trailers, mantendo seus segredos intactos em nome da experiência do público, o que pode prejudicar o desempenho nas bilheterias.

Apesar de tudo isso, devemos reconhecer que Denis Villeneuve colocou tudo a perder no projeto, e os comentários foram muito positivos, o que é uma vitória nesse sentido. Ele mesmo está satisfeito com o resultado do filme, ficando em paz com o fato dos fãs receberem muito bem o novo filme.