Queremos mais!

Não satisfeitos com os mais de US$ 700 milhões de arrecadação (quase US$ 1.5 bilhão somando os dois filmes), a ideia da Fox é fazer com que Deadpool conquiste o mercado natalino, com o relançamento de Deadpool 2 devidamente adaptado para os menores de idade.

Once Upon a Deadpool terá uma estreia limitada em 12 de dezembro, com o claro objetivo de arrecadar alguma grana dos jovens no período de férias natalinas.

De acordo com os números oficiais, a maior parte do filme será de material de arquivo reciclado de Deadpool 2, que voltou para a ilha de edição para transformar o filme com classificação ‘R’ (maiores de 18 anos) em algo apto para as audiências mais jovens.

As novas cenas juntarão Ryan Reynolds e Fred Savage. Pela aparência da foto que Reynolds compartilhou em sua conta no Twitter quando anunciou o filme pela primeira vez, é bem provável que ele vai contar a história de Deadpool 2 para Savage, como já aconteceu no prólogo de A Princesa Prometida.

 

 

O novo material foi filmado em apenas um dia por Reynolds e sua equipe. Além disso, há um componente de caridade importante nesse lançamento limitado da nova montagem, já que Reynolds explicou que cada ingresso vendido terá US$ 1 destinado para a campanha F-ck Cancer, que será rebatizada temporariamente como Fudge Cancer.

De acordo com Reynolds, a nova edição responde em partes um pedido da própria Fox:

“A Fox suplicou por uma versão PG-13 do personagem desde 2006. E eu venho recusando isso desde 2016. Agora, eu disse SIM com duas condições. Primeiro, que uma parte dos lucros deverá ir para a caridade. Segundo, que eu queria sequestrar Fred Savage.”

Já Savage se mostrava satisfeito com o resultado final da paródia e o irreverente meta espírito da franquia:

“Ainda que minha participação nesse filme fosse tudo menos voluntária, fico feliz em saber que a Fudge Cancer será beneficiada por esse descarado exercício de mercantilismo.”

 

 

Via Deadline