Muitos esperam pelo início da temporada final de Game of Thrones na HBO e que George R.R. Martin termine os seus livros. Porém, o que pouca gente esperava é que o autor da saga revelasse a trama secreta dentro da história, confirmando assim uma das teorias que mais irritavam os fãs.

Em entrevista ao The New York Times, Martin falou:

 

“É um pouco irônico, pois comecei a escrever Game of Thrones em 1991, muito antes de qualquer conversa sobre a mudança climática (…) O pessoal em Westeros luta pelo poder, pelo status e pela riqueza. Mas isso os distraem tanto, que ignora a ameaça da chegada do inverno, que tem o potencial de destruir a todos (…) Sim, há um paralelismo com tudo o que acontece com o planeta nesse momento.”

 

 

Ou seja, Martin confirmou que Game of Thrones é uma alegoria sobre a postura errada do mundo atual diante da ameaça da mudança climática.

É uma teoria desenvolvida pelos fãs a algum tempo, que criava autênticos choques entre os devotos da franquia. Porém, para o seu criador, sua história funciona exatamente assim.

Martin se aprofunda sobre o tema, e entende que este é um perigo real a ponto de destruir o mundo, mas segue ignorado por todos. Isso, e todos os demais conflitos sociais e políticos da modernidade.

E, mesmo assim, ninguém reclamou de ver isso em Game of Thrones.

 

Via NYT