Arquivo para a cateoria: Música

Chris Cornell, vocalista do Soundgarden e do Audioslave, faleceu aos 52 anos

by

Chris Cornell

 

Faleceu na noite dessa quarta-feira (17) o cantor e compositor Chris Cornell, aos 52 anos de idade. O músico liderou as bandas Soundgarden e Audioslave.

Seu agente, Brian Bumbery, define sua morte como “súbita e inesperada”, chocando a sua família, que pede privacidade nesse momento. A causa da morte ainda não foi revelada.

Cornell comandou um show do Soundgarden horas antes de morrer. A banda estava em turnê nos Estados Unidos, que seria concluída em 27 de maio.

Chris Cornell fundou o grupo Soundgarden na década de 1990, sendo um dos pioneiros da cena grunge de Seattle. Levou Grammys com as canções Black Hole Sun e Spoonman.

O Soundgarden acabou em 1997, e voltou com nova formação em 2010. Durante esse tempo, Cornell foi o responsável pela música tema de 007 Casino Royale (2006), com You Know My Name.

Um pouco antes, em 2001, Cornell se uniu a três ex-integrantes do Rage Against the Machine (Tom Morello, Tim Commerford e Brad Wilk) para fundar o Audioslave. A banda lançou três álbuns entre 2002 e 2006, e em 2005 se tornou segunda banda de rock a tocar em Cuba, em um show gratuito para 70 mil pessoas.

Cornell deixou o Audioslave em 2007, por conta de conflitos pessoais e diferenças musicais. Mas em janeiro de 2017, a banda se uniu novamente para protestar contra Donald Trump no que foi conhecido como “Baile Anti-inauguração”.

Cornell se envolveu também com o Temple of the Dog, criado em 1990, banda que reunia Jeff Ament (Pearl Jam), os guitarristas Stone Gossard e Mike McCready (Soundgarden), e Matt Cameron (que tocava nas duas bandas).

A banda foi formada para homenagear o vocalista do Mother Love Bone, Andrew Wood, falecido em 1990. Lançaram um disco em 1991, e em 2016 o Temple of the Dog fez cinco shows nos Estados Unidos.

Os quatro primeiros singles de Humanz, o novo álbum do Gorillaz

by

Gorillaz

 

O Gorillaz está de volta!

Uma das bandas virtuais mais famosas do mundo publicou no YouTube e outras plataformas de streaming quatro novos singles, que farão parte de Humanz, seu quinto álbum de estúdio.

O anúncio acontece pouco mais de seis anos depois do lançamento de The Fall (2010). O novo álbum terá 14 músicas, e contará com parcerias com artistas como Grace Jones, Mavis Staples, De La Soul, Jehnny Beth (Savages), Pusha T, Vince Staples, Kelela e D.R.A.M.

 

 

As contas oficiais da banda nas redes sociais apresentou as novas aparências dos seus integrantes, e a música Saturnz Barz ganhou um videoclipe completo, enquanto que as outras três são Art Tracks, ou seja, imagens fixas com a música.

 


O Gorillaz nasceu como um projeto experimental de Damon Albarn (Blur) em parceria com o desenhista britânico Jamie Hewlett. Eles mixaram as músicas, animaram os personagens e criaram todo o marketing da banda, que é representada pelos personagens virtuais 2D, Noodle, Murdoc Niccals e Russel Hobbs.

A banda nasceu em 1998, e o conceito de grupo musical virtual era uma raridade. Seus personagens só apareciam nos vídeos, na internet e em poucas performances ao vivo. Mas agora, com a febre dos cantores virtuais, temos o melhor período para até o Gorillaz explore todo o seu potencial.

 


A campanha de marketing do novo disco foi acelerada depois que uma senha absurdamente simples (2017… essa era a senha) em vários vídeos ocultos do Vimeo permitiu que os usuários do Reddit ouvissem algumas das novas músicas. Mas… será que eles realmente queriam esconder alguma coisa com uma senha dessas?

Para saber mais do novo disco do Gorillaz, acesse o site da banda para se inscrever e receber as novas músicas no dia do lançamento.

 


Via Gorillaz

Perdemos Chuck Berry

by

Chuck Berry

 

Chuck Berry faleceu, aos 90 anos de idade.

A notícia poderia passar batido se fosse um cara qualquer. Mas estamos falando de um dos pais do rock, e um dos músicos mais influentes da história da música contemporânea. Ele não era qualquer um.

Apenas para você ter uma ideia da influência desse cara, ele era um dos preferidos tanto dos Beatles como dos Rolling Stones. A escolha poderia ser bem óbvia, já que estamos falando de duas das bandas de rock de todos os tempos. Mas é especial também pelo mesmo motivo.

Chuck Berry influenciou praticamente tudo o que veio depois em termos de rock. A rebeldia, os sons distorcidos, os riffs, a atitude desafiadora. Tudo o que tinha nele foi visto em praticamente todas as bandas que fizeram sucesso nos 60 anos subsequentes.

Aliás, Berry era um cara que seguia se desafiando. Estava se preparando para lançar um novo álbum de músicas inéditas, onde ele afirmava que havia se preparado por anos para esse disco, que fatalmente seria o último de sua carreira. De fato, ele chegou a afirmar para a esposa (com quem ficou casado por 68 anos, algo raro em se tratando de um rockstar) que trabalhou tanto nesse álbum que poderia se aposentar depois disso.

Chuck Berry deixa um legado inestimável para a música e para a cultura pop. Todo mundo se lembra da cena de Marty McFly em “De Volta Para o Futuro”, virado no jiraya ao som de Johnny B. Goode…

 


…assim como fatalmente vão se lembrar de John Travolta e Uma Thurman, virados na bebida e na cocaína, dançando de forma descontraída ao som de You Never Can Tell.

 

 

 

Essas são apenas duas provas claras que Chuck Berry será eterno. Sua obra vai nos acompanhar até o fim dos nossos dias.

E tudo o que podemos dizer nesse momento é “muito obrigado, Chuck… vai fazer falta por aqui…”.

Lista de Vencedores | 2017 Grammy Awards

by

Grammy Awards

 

Aconteceu hoje (12) a 59a edição do Grammy Awards, a maior premiação da música mundial.

A premiação é realizada pela National Academy of Recording Arts and Sciences, e aconteceu no Staples Center em Los Angeles (EUA). Foi transmitida nos Estados Unidos pela CBS (no Brasil, pela TNT), com James Corden como apresentador principal.

 

 

Aliás, James Corden começou a premiação no modo “sou atrapalhado e tudo vai dar errado hoje”. Seria um presságio sobre uma noite com alguns problemas pontuais?

 

 

Ah, sim… também teve a Beyoncé linda e grávida, em mais uma performance matadora!

 

 

E a Adele, que interrompeu sua apresentação em homenagem à George Michael, porque entrou no tom errado na música. Ela mesma afirmou que “não podia estragar tudo para ele (George)”. Recomeçou… e arrasou!

 

 

Aliás, foi um Grammy Awards marcado por problemas técnicos… a performance do Metallica com Lady Gaga foi prejudicada porque o microfone de James simplesmente falhou.

 

 

E o Bruno Mars, que foi incorporado pelo Prince por alguns minutos…

 

São várias categorias em diferentes segmentos musicais. Nesse post, você encontra a lista de vencedores anunciados durante a premiação televisionada.

 

Lista de Vencedores: 2017 Grammy Awards

 

Melhor Videoclipe: “Formation” – Beyoncé
Melhor Filme: The Beatles: Eight Days a Week The Touring Years – (The Beatles)
Artista Revelação: Chance the Rapper
Melhor Performance de Grupo ou Duo: “Stressed Out” – Twenty One Pilots
Melhor Canção de Rock: “Blackstar” – David Bowie
Melhor Perfromance Country Solo: “My Church” – Maren Morris
Melhor Álbum Urbano ou Contemporâneo: Lemonade – Beyoncé
Melhor Álbum de Rap: Coloring Book – Chance the Rapper
Canção do Ano: “Hello” – Adele
Gravação do Ano: “Hello” – Adele
Álbum do Ano: 25 – Adele

 

Para a lista completa de vencedores, acesse grammys.com.

Faleceu o cantor Al Jarreau, aos 76 anos

by

 

Faleceu aos 76 anos o legendário cantor de jazz e R&B Al Jarreau.

Jarreau ganhou em sua carreira sete Grammy Awards, e é mais conhecido da audiência televisiva por compor e interpretar o tema de abertura da série Moonlighting (ABC), que no Brasil foi conhecida pelo nome A Gata e o Rato.

O cantor foi hospitalizado com sintomas de exaustão a alguns dias, e faleceu na manhã de hoje (12). A causa da morte não foi revelada.

Al Jarreau tem vários hits na sua carreira, e entre os seus sucessos mais destacados temos Mornin’, After All, Roof Garden e We’re In This Love Together.

Além de cantor e compositor, Jarreau também se aventurou no mundo da atuação, interpretando o Reverendo Gentry Hall em dois episódios da série Touched by an Angel (CBS), assim como em um episódio do seu spinoff, Promised Land.

Al Jarreau deixa a esposa Susan e um filho, Ryan.