Bryan Singer, diretor de Bohemian Rhapsody (lembrando que ele foi demitido da produção pela Fox), está enfrentando novas acusações por manter (supostamente) relações sexuais com menores de idade.

Um artigo publicado no jornal The Atlantic relata que quatro homens alegam que tiveram encontros sexuais com Singer no final dos anos 90, quando ainda eram adolescentes. Um deles, Victor Vaoldivnos, afirmou que tinha 13 anos, e enquanto trabalhava como extra no set de Art Pupil, Singer teria acariciado os seus órgãos genitais.

 

 

Quatro novas acusações e uma resposta de Singer

Vaoldivnos é o único acusador identificado, e vem acompanhado de outros três com pseudônimos. Os encontros teriam acontecido quando os acusadores contavam com idades entre 15 e 17 anos, e vão de encontros com sexo oral até relações sexuais completas. As denúncias relatam um comportamento abusivo por parte de Singer, com abordagens envolvendo drogas e álcool antes do sexo.

Apesar do advogado de Singer negar de forma contundente as acusações, o cineasta decidiu publicar uma declaração onde ele ataca o artigo e os seus autores, que publicaram a matéria depois de falar com 50 fontes diferentes durante um ano de investigação.

Singer basicamente se defende lamentando a publicação da matéria justamente no momento em que Bohemian Rhapsody está com todos os holofotes, uma vez que o filme venceu o Globo de Ouro 2019 nas categorias Melhor Ator (Rami Malek) e Melhor Filme (comédia ou musical). Além disso, o diretor acusa que é vítima de homofobia previamente planejada por aqueles que querem diminuir o alcance do filme.

Não é a primeira vez que Bryan Singer enfrenta acusações desse porte. Em abril de 2014, Michael Egan processou o diretor, alegando que foi violentado por ele em várias ocasiões em 1999, quando ele tinha 17 anos de idade. Um processo similar ingressado por Cesar Sanchez-Guzman foi revelado em 2017.

O primeiro processo foi desestimado depois de encontrar discrepâncias no testemunho de Egen, e o segundo caso continua pendente de processo.

De qualquer forma, são muitas polêmicas girando ao redor de Bryan Singer.

 

+info