Uma série especial de posts dividida em partes, sobre as séries mais importantes dos primeiros 10 anos do novo século. Séries fundamentais e obrigatórias, pois são referência para as séries dos próximos 20 anos (ou mais).

Verdadeiras joias televisivas, onde algumas delas ainda podem ser encontradas em serviços de streaming populares. Já outras você terá que garimpar em e-commerces ou nos caminhos alternativos da internet.

De qualquer forma, são séries obrigatórias. Confira!

 

 

The Sopranos

 

 

Começou em 1999, mas é uma das referências da década de 2000. Entrega conflitos shakesperianos, personagens complexos, violência, diversão… e Tony Sorpano. Como produto, a série marcou um caminho de ambição intelectual e de produção que mudou o mundo das séries na TV a cabo para sempre, tal e como a Netflix fez com suas séries para o mundo do streaming.

 

Mad Men

 

 

Mesmo enfraquecendo nas últimas temporadas, a série se destacou pelos diálogos bem cuidados, a fotografia e a produção cuidada nos mínimos detalhes, além da impecável construção dos personagens. Conseguiu prender o espectador com um empático Don Draper, que tem princípios mais que questionáveis para conseguir o que deseja.

 

My Name is Earl

 

 

O mundo de Earl mudou por completo quando ele ganhou na loteria, e o carma cruzou com ele. Depois de uma série de infortúnios, Earl Hickey não apenas deixou para trás sua vida pouco relevante, como quer corrigir todas as suas más ações, mesmo que não fique claro para ele como fazer isso. A lista de tarefas que ele vai completando ao longo da série o leva ao encontro das consequências dos seus próprios desajustes. A série é uma comédia diferente, onde a mensagem é clara: se você faz coisas boas, acontecem coisas boas com você. E isso é contado pelas pessoas menos indicadas, produzindo situações surreais com resoluções inesperadas.

 

Prison Break

 

 

Com a premissa de tirar o seu irmão da cadeia por um delito que não cometeu, Michale Scofield entra em uma prisão de segurança máxima, onde lá está o pior do pior, com seu corpo todo tatuado, com o mapa do local. Com duas temporadas inciais simplesmente impecáveis, a decadência veio com a curta temporada de Soma, com tramas mais e mais inverossímeis. Até a volta no ano passado nos lembrou por que ela foi cancelada. Mesmo assim, e referência de série para a década em questão.

 

Sons of Anarchy

 

 

Começou como a típica série de motoqueiros, mas suas tramas iam se sofisticando cada vez mais. Quanto maior o drama, mais intensos eram os episódios. A variedade de personagens também fazia com que a empatia aumentasse, mesmo com o termo “anarquia” não sendo simpático a todos.