A morte de Aretha Franklin é sentida por todo mundo. A Rainha do Soul é lembrada por todos pelos hits como ‘Respect’, ‘I Never Loved a Man (The Way I Love You)’ o ‘Think’ .

Mas a cantora também figurou no mundo do cinema e da TV em determinadas ocasiões. E esse post lembra como isso aconteceu.

 

 

Room 222

 

 

As poucas aparições de Aretha Franklin no cinema e na TV começaram em Room 222, comédia exibida pela ABC e criada por James L. Brooks. A participação aconteceu em janeiro de 1972, e Franklin interpretou Inez Jackson, uma líder espiritual que ajudava um personagem diante da insistência dos pais para que ele se converta em pastor de uma igreja. E os conselhos de Inez só poderiam ser transmitidos através da música, nesse caso, o hino religioso ‘Guide Me Thy Great Jehovah’.

 

 

Os Irmãos Cara-de-Pau

 

 

Uma das melhores comédias musicais de todos os tempos, dirigida por John Landis e protagonizada por John Belushi e Dan Aykroyd. Aretha figurou ao lado de um grande elenco musical, como Ray Charles, John Lee Hooker e James Brown. Ela interpreta Mrs. Murphy, casada com Matt “Guitar” Murphy.

 

 

Murphy Brown

 

 

Em 1991, Aretha interpretou a ela mesma na sitcom Murphy Brown, exibida pela CBS por 10 temporadas e 247 episódios. Em um episódio da quarta temporada, Brown consegue uma entrevista com a cantora que nunca chegou a se materializar, por culpa de um atraso no transporte que deveria levá-la ao estúdio. No final, Brown e Franklin se encontram diante de um piano, onde a Rainha do Soul canta You Make Me Feel Like A Natural Woman, que ganhou significado especial para a série e sua protagonista, que cantou a música no piloto da série, que se chama ‘Respect’.

 

 

Os Irmãos Cara-de-Pau 2000

 

 

A despedida de Aretha Franklin da ficção foi ao reprisar a Mrs. Murphy e cantando Respect, um hino para os direitos civis e do feminismo (composta, de forma paradoxal, por um homem) no filme lançado em 1998. Foi uma participação muito mais descafeinada e artificial em relação ao primeiro filme, mas continua sendo um deleite para os nossos ouvidos.

Mais uma forma de nos lembrarmos de forma positiva dessa deusa em forma de canção chamada Aretha Louise Franklin.