Nem tudo são flores nesse mundo. Quando uma série é boa, ela tende a ser muito boa. Mas quando ela é ruim, pensamos: “quem aprovou essa b*$#a?”

O TVLine fez a sua lista das 10 piores séires que estrearam em 2017. Algumas escolhas desapontaram em vários aspectos, enquanto que outras falharam no que era considerado pontual ou essencial.

A lista a seguir pode não agradar a todos, mas… e daí? Nenhuma lista agrada mesmo…

10. STILL STAR-CROSSED

Que porcaria vinda da Shondaland. Se bem que, particularmente, pouco ou nada poderia se esperar sobre uma série que mostraria o que veio depois das mortes de Romeu e Julieta. Tempo e dinheiro jogados fora.

9. DISJOINTED

Era para ser uma comédia, mas só mostrou a Kathy Bates doidona, como uma dona de uma loja de cannabis em Los Angeles. A série foi recusada pela CBS e recolhida do lixo pela Netflix. E agora sabemos por que ela foi descartada pela CBS: é apenas uma série cheia de esteriótipos sobre maconha, que nem engraçada é.

8. DAYTIME DIVAS

O drama da VH1 estrelado por Vanessa Williams até se aproveitou bem do momento em mostrar os bastidores dos programas matinais, mas o “grande mistério” da temporada era fraco, e não sustentou a trama, a audiência e o orçamento empregado em algo que não dá retorno.

7. TOO CLOSE TO HOME

Eu não fazia ideia que essa série existia, e ela já estava na segunda temporada. Mas está na lista por encontrar novas e perturbadoras formas de colocar o tema incesto em uma série de TV. Sem falar que a presença controversa de Heater Locklear na série parece ter acelerado o seu cancelamento.

6. FRIENDS FROM COLLEGE

Com um elenco de peso (Keegan Michael Key, Cobie Smulder, Fred Savage, Billy Eichner, Nat Faxon), ela muito prometeu para uma comédia, mas não funcionou. Não teve química no elenco e nem entre os personagens, que ofereceram uma interação horrível, e não apresentou plots interessantes. Mesmo assim, foi renovada para a segunda temporada. Quem sabe a Netflix consegue corrigir os erros.

5. TWIN PEAKS

Pasmem. Ela entrou na lista. 18 horas depois do revival, chegamos a conclusão que a nova temporada poderia ter no máximo oito episódios e, mesmo assim, a maioria das pessoas não iriam entender nada do que assistiu. Muita coisa foi mal estruturada, tediosa e totalmente sem emoção. Bem longe da genial primeira temporada da série. E muita gente está com raiva (e com razão) por isso acontecer dessa forma.

4. MARVEL’S IRON FIST

O piloto dessa série foi um teste de paciência para muita gente. E o restante da série foi a sequência do teste. Um protagonista sem carisma, e cenas de luta pouco empolgantes foram apenas dois pontos graves de uma série que destoou (e muito) das demais da Marvel na Netflix.

3. DIRTY DANCING

Jesus, isso foi muito brega. Um remake totalmente desnecessário, onde ninguém se importou em absolutamente nada com a existência da série e de suas novas propostas. Mesmo com Patrick Swayze e Jennifer Grey se detestando nas filmagens, a química deles era imbatível. Ninguém precisava testemunhar tal vergonha alheia.

2. 9JKL

Alguém no departamento de desenvolvimento de sitcoms na CBS precisa ser demitido. Essa é uma das piores coisas que estrearam em 2017, e ainda está no ar sabe lá Deus por que. A série só existe para ser um dos motivos para que as pessoas que odeiam sitcoms sigam odianto sitcoms. Ainda mais com piadas sobre testículos de gente velha.

1. MARVEL’S INHUMANS

Alguém tinha dúvidas que essa seria a primeira escolha? Não tinha nada de especial, contava com efeitos visuais horrorosos, e uma trama totalmente desestimulantes. Sem falar em estilos de atuações incongruentes e absurdas (intriga política shakesperiana encontra uma sitcom? Como assim?). Duvido que o bom senso mande essa série ser renovada.