Alec Baldwin foi confirmado no elenco de Joker, para interpretar Thomas Wayne, o pai de Batman. Tradicionalmente, o personagem é retratado como um homem sábio e amável, respeitado em Gotham. Mas no filme de origem do Coringa, não será bem assim.

O novo Thomas Wayne será um homem de negócios no estilo Donald Trump dos anos 80. A escolha de Baldwin se alinha com o fato de, desde 2016, o ator imitar o atual presidente dos Estados Unidos no Saturday Night Live. Mesmo assim, esperamos algo diferente, já que Joker é definido como um “escuro drama criminal”.

Não há maiores detalhe sobre o personagem e suas implicações na trama, mas tudo indica que estará relacionada à queda e loucura do Coringa.

Baldwin se une a um elenco encabeçado por Joaquin Phoenix (Joker), Robert de Niro, Frances Conroy (Six Feet Under, American Horror Story), Zazie Beetz (‘Deadpool 2’), Marc Maron e Josh Pais, entre outros.

O projeto será dirigido por Todd Philips e tem orçamento de US$ 55 milhões. Um valor modesto para Hollywood, mas este é um filme mais arriscado que o habitual.

Joker tem estreia prevista para 2 de outubro de 2019.