Planeta dos Macacos: A Guerra

O cinema é uma maravilhosa fábrica de emoções, e quando os envolvidos se envolvem de verdade no que fazem, o resultado do trabalho transcende a capacidade intrínseca dessa arte para facilitar as conexões humanas.

Quando o diretor Matt Reeves, de Planeta dos Macacos: A Guerra, propôs ao ator Steve Zahn para fazer um teste de interpretação em uma videochamada do Skype para um dos personagens do futuro filme, ele jamais imaginava que o resultado seria tão encantador.

Para Reeves, Zahn conseguiu ser um Simio Mau divertido e comovente ao mesmo tempo.

Nos extras da edição em Blu-ray do filme, Reevs conta que “Steve Zahn é um ator que sempre me encantou. Não apenas por ser incrivelmente gracioso, mas sendo muito humano. EU sabia que ele podia abordar os aspectos humorísticos dos personagens, mas realmente queria ver nele as partes mais emocionais”.

Então, ele pediu para o ator ler algumas cenas do roteiro nessa vídeo chamada. E nesse momento, Reeves riu e chorou na mesma audição.

E conclui:

“Eu estava tão conectado de uma forma tão real… e só estava sendo completamente autêntico sobre quem era esse personagem, e o mesmo para interiorizá-lo e conseguir que fosse divertido e comovente ao mesmo tempo”.

Quem assistiu ao filme Planeta dos Macacos: A Guerra se deixou levar por essa montanha russa psicológica, se envolvendo por completo pelo personagem de Steve Zahn.

E uma chama de Skype mudou completamente um filme.