Prince_2016

Faleceu aos 57 anos de idade o cantor e música Prince Roger Nelson.

O cantor foi encontrado na casa onde morava em Minnesota (EUA) hoje (21). A causa da morte não foi informada e é investigada pela polícia local, mas o falecimento foi confirmado por uma assessora e um familiar. Prince foi levado para um hospital em estado de emergência em 15 de abril, quando seu jatinho particular teve que fazer um pouso urgente no estado de Illinois, mas no dia seguinte ele apareceu em um show e garantiu que estava tudo bem.

Prince é um dos nomes mais influentes da música pop, como cantor, compositor, multi-instrumentista e ator. Ao longo de 40 anos de carreira, ele recebeu 30 indicações ao Grammy Awards, com sete prêmios. Além disso, ganhou um Oscar, um Globo de Ouro e 14 de suas músicas entraram no top 10 da Billboard. O ápice do seu sucesso foi o álbum “Purple Rain” (1984), considerado um dos melhores álbuns de todos os tempos.

“Kiss”, When Doves Cry” e “Let’s Go Crancy” são outros sucessos do cantor, que brincou com vários gêneros musicais, como pop, funk, rock, R&B, soul, jazz e rap. Na década de 1990, Prince mudou seu nome para um “símbolo do amor” impronunciável, como forma de protesto contra suas condições contratuais com a gravadora Warner.

Prince se casou duas vezes, com a dançarina Mayte Garcia, de quem se separou em 2000, e depois com Manuela Testolini, de quem se divorciou em 2006. Em julho de 2015, ele solicitou a retirada do seu catálogo de músicas de várias plataformas de streaming, exceto pelo Tidal, gerenciado por Jay Z. O 34º álbum de sua carreira, “HitNRun”, foi feito em 90 dias, e só chegará ao mercado anos depois de desencontros com as gravadoras tradicionais, e dois anos após o cantor lançar dois álbuns pela Warner Music, “Plectrumelectrum” e “Art Official Age”.