anne_hathaway_and_james_corden_rap_battle

Uma excelente pergunta.

Os segmentos virais dos talk-shows norte-americanos estão se transformando em programas próprios, onde os canais estão descobrindo novos formatos de realitys e programas de entretenimento.

Coincidência ou não, esse movimento de mudança vem das mãos dos jovens apresentadores que assumiram programas com décadas na grade da TV norte-americana, mas souberam se reinventar a ponto de começarem a reinventar o gênero de reality na TV.

O início, com Jimmy Fallon

Joseph Gordon Levitt Visits "Late Night With Jimmy Fallon"

 

Tudo começou com Jimmy Falllon, com o seu The Tonight Show.

O rapaz foi muito questionado quando foi escolhido para apresentar o mais tradicional talk-show da TV nore-americana. Hoje, Fallon é quase uma unanimidade, porque reinventou o programa.

Foi além: inseriu o segmento Lip Sync Battle, que é uma batalha de dublagens entre celebridades.

A ideia foi tão bem recebida, que virou um programa no canal Spike. E este é o programa mais visto do canal hoje.

 

A sequência, com James Corden

Carpool Karaoke_James_Selena_embed

 

O britânico James Corden assumiu o Late Late Night na CBS, e seguiu a cartilha de Jimmy Fallon.

Inseriu várias novidades no programa, onde o mais destacado foi o Carpool Karaoke, onde ele faz uma entrevista com uma celebridade em um clima totalmente descolado e casual, em um passeio de carro, onde em alguns momentos os dois começam a cantar uma música no mais alto volume.

Como qualquer um de nós poderíamos fazer com nossos amigos.

Agora, o Carpool Karaoke vai virar um programa próprio no Apple TV. Sem falar que a TNT/TBS vai exibir Drop the Mic, programa no mesmo esquema, mas mostrando quatro celebridades se enfrentando em uma batalha de rap.

 

E outros canais fazem o mesmo

A ABC fez a mesma coisa.

O segmento Who Knows…? do Jimmy Kimmel Live!, serviu de backdoor pilot para o programa Big Fan.

E, como a CBS não tem talk-show noturo, não copiou ninguém. Ainda.

 

O futuro?

Pode até ser que os talk-shows noturnos reinventem os realitys como conhecemos. Porém, por enquanto, temos três novos programas musicais na prática.

Apenas o Big Fan foge dessa temática.

É preciso esperar mais algumas temporadas para ver se esse momento de mudança se confirma, ou se é uma fase passageira de “samba de uma nota só”.