Ed Sheeran

ATENÇÃO: o post a seguir contém informações sobre o primeiro episódio da sétima temporada de Game of Thrones (HBO). Siga com a leitura por sua conta e risco.

 

Arya Stark seguia pelo bosque de Riverlands, em direção ao Desembarque do Rei… quando, de repente, começa a ouvir alguém cantando. Se aproxima de um grupo de soldados… e ela encontra o cantor pop Ed Sheeran, o responsável por atrair a atenção da vingativa.

Mas… que p*rra o Ed Sheeran está fazendo cantando em Game of Thrones?

Vamos explicar.

 

 

Podemos dizer que temos aqui uma bela combinação de interesses.

Maise Williams, atriz de 20 anos que interpreta Arya Stark, é fã de Ed Sheeran, que por sua vez é fã de Game of Thrones. Logo, o produtor executivo e os roteiristas da série decidiram incluí-lo em um episódio, para a surpresa de Maise e alegria de Ed.

Sheeran já havia avisado aos fãs que ele não participaria de uma grande cena, inclusive revelando exatamente o que aconteceria em sua aparição, comentando que só apareceria em cena por cinco minutos, e brincando sobre  o fato de não ter morrido por esse tempo todo.

Não é a primeira vez que um músico participa de Game of Thrones. Membros das bandas Coldplay, Of Monsters and Men e Sigur Ros também deram as caras na série. Mas a aparição de Sheeran foi a mais evidente, e a que mais barulho gerou, com pessoas achando que ele não deveria ter participado do episódio.

A canção também gera polêmica. Hands Of Gold é uma composição que aparece nos livros de George R.R. Martin, mas em um contexto diferente.

Criada por Symon Silver Tounge, ela fala sobre Tyrion Lannister e Shae, a prostituta que ele se apaixonou. As “mãos de ouro” fazem referência tanto ao cargo que Tyrion teve durante um tempo como a riqueza dos Lannister.

 

 

 

Via Washington Post