Zac Penn, chefe do grupo de roteiristas responsáveis pelo argumento do novo filme Matrix, esclarece que este não será um reboot ou reinício da franquia, e que não vai dar continuidade na história que já conhecemos.

Também não pretendem inventar algo para que Neo (Keanu Reeves) apareça no filme, e confirmou que se quisesse “mostrar alguma coisa do personagem”, contaria diretamente com o ator para o projeto.

Segundo Zac, o filme será um prequel ou uma sequência, ou seja, algo que aconteceu antes ou depois da trilogia, o que é sempre algo interessante, desde que seja bem feito.

A ideia em si não é ruim, mas muitos ainda sentem calafrios quando pensam em um novo filme inspirado no universo Matrix. Pelas dúvidas que gera e principalmente pelos desastres das tentativas de resgate de outras franquias.

Por enquanto, o máximo que podemos fazer é dar algum voto de confiança. Mas o histórico do cinema não joga a favor do projeto.

 

Via TweakTown