NBC

 

Nem conseguimos perceber isso ao longo do ano, mas a NBC segue mandando na dita audiência qualificada (ou demo 18-49), e venceu de novo na temporada (2016-2017).

É a terceira vez em quatro anos que a NBC vence nessa métrica de audiência, com uma demo de 2.1 (incluindo os números de DVRs). O mais inusitado disso tudo é que o canal conseguiu isso em um ano em que não teve os Jogos Olímpicos ou a final da NFL para turbinar esses números.

É a primeira vez em cinco anos que o canal do pavão consegue isso. As duas mais recentes vitórias da CBS na demo 18-49 anos contaram com a ajuda do Super Bowl.

A Fox ficou na segunda posição (1.9), seguida de CBS (1.8), ABC (1.6) e CW (0.7).

Apenas como registro: a NBC também ficou na primeira posição nos rankings que consideram apenas os programas de entretenimento (deixando de fora os noticiários e eventos esportivos) e nos programas roteirizados (deixando de fora os realitys). É a primeira vez que isso acontece no canal desde a temporada 2003-2004 (quando foram exibidas as temporadas finais de Friends e Fraiser).

A cereja do bolo da NBC na temporada está no fato dela também se posicionar na primeira posição na temporada nas novas séries, alem de agora ter o drama com melhor demo média da temporada (nos dois casos, isso aconteceu por causa de This Is Us).

De quebra, tem os dois primeiros programas de primetime mais vistos da TV (Sunday Night Football e Thursday Night Football) e mantém a liderança nas noites de segunda e terça com mãos de ferro, através de The Voice.

Quando olhamos para os números da audiência geral, as coisas mudam. A CBS segue líder nessa métrica pelo nono ano consecutivo, com uma média de 9.65 milhões de telespectadores, contando com a comédia e programa roteirizado líder de audiência (The Big Bang Theory), o drama novo/roteirizado mais visto (Bull) e a comédia estreante de maior audiência (Kevin Can Wait).

Nessa métrica, a NBC fica na segunda posição (8.1 milhões), seguida pela ABC (6.2 milhões), Fox (5.8 milhões) e CW (1.8 milhão).