hugh-dancy-mads-mikkelsen-naka-choko-hannibal-nbc

Nem a Amazon – que tinha os direitos exclusivos de streaming de Hannibal (NBC), o que automaticamente a tornaria candidata a ‘salvadora’ -, nem a Netflix pensam em salvar o drama para uma quarta temporada. Mas segundo Bryan Fuller em sua conta no Twitter, eles ‘ainda buscam possibilidades’ para ressuscitar a série em uma nova casa.

Hannibal foi cancelada pela NBC em junho, depois de penas três episódios da terceira temporada (todos com baixíssima audiência). Depois disso, Fuller disse ao TVLine que os seus planos para a quarta temporada eram ‘alguns dos mais legais até agora’, que ele esperava trazê-los à vida ‘se tivesse a possibilidade’ (na quinta temporada, ele planejava introduzir na série o agente do FBI Clarice Starling, se conseguisse os direitos do personagem).

Em recente entrevista ao TV Insider, Fuller disse que uma nova temporada de Hannibal seria idealizada para ter entre 9 e 10 episódios, contra os 13 habituais.