johnny-galecki_m_jpg_627x325_crop_upscale_q85

Parece que mesmo Kevin Reilly (presidente da Fox) se declarando contra a produção de pilotos, tal política ainda reina soberana no canal que ele gerencia. O canal da raposa autorizou a produção de quatro pilotos, além de 6 episódios de uma quinta série.

A comédia Weird Lovers foi quem recebeu a encomenda para a produção de 6 episódios. Na série, veremos 4 pessoas com fobias de relacionamento, que são jogadas nas vidas umas das outras de maneira inesperada e formam um laço improvável num condomínio no Queens em Nova York. O roteiro fica a cargo de Michael Weithom e a produção é de Jake Kasdan (New Girl).

Johnny Galecki, o Leonard de The Big Bang Theory, será produtor de outra comédia da Fox, cujo piloto foi autorizado. A série, que ainda não tem título, verá uma mãe (Jane Kaczmarek) que traumatizará seu filho de 30 e poucos anos quando reaparece em sua vida com um novo marido e seus 3 filhos adolescentes. O roteiro será de Ricky Blitt, com produção de Stephen McPherson.

Outro piloto de comédia será Sober Companion, que contará a história de um advogado charmoso mas auto-destrutivo, que tem sua vida virada de cabeça pra baixo quando um “sober companion” (uma pessoa indicada para dar assistência individual para alguém que se recupera do vício em drogas ou álcool) pouco convencional é indicado para tomar conta de sua vida. Roteiro e produção de David S. Rosenthal (Gilmore Girls) e Jennie Snyder Urman (90210).

Dead Boss é uma comédia baseada numa produção britânica de mesmo nome. Na série, veremos Helen Stephens, acusada de maneira equivocada de ter assassinado o próprio chefe e lutando para provas sua inocência. Patricia Breen (Subutgatory) vai escrever a série, que tem produção executiva de Aaron Kaplan (Terra Nova), Sharon Horgan e Hoolly Walsh.

Finalmente, Empire, de Danny Strong (Game Change) e Lee Daniels, é um drama que mostrará uma família dona de um império do hip hop, onde teremos músicas originais e sucessos do gênero. Produção de Brian Grazer (24 Horas) e Francie Carfo.

Via