Neste ano, tivemos indicados bem diferentes, que mostram que nem sempre ser indicado ao prêmio de Melhor Ator Convidado de Série de Comédia quer dizer que o seu papel tenha que ser necessariamente “cômico”. Alguns dos indicados são hilários, já outros, se valeram do seu poder de interpretação para receber a indicação.



Mike O’Malley (Burt Hummel, Glee, FOX)

Você pode não lembrar dele, mas ele já teve a sua própria sitcom na NBC, chamada The Mike O’Malley Show. Porém, não foi muito bem: foi cancelada com apenas 2 episódios exibidos. Depois disso, fez participações em diversas séries, como My Name Is Earl, My Own Worst Enemy, e recentemente é personagem recorrente em Glee e Parenthood.

Deve vencer o Emmy porque… o seu personagem em Glee é muito bom, e sua parceria com Chris Colfer na relação pai/filho ajudou os dois em suas respectivas indicações.

Pode perder o Emmy porque… não é necessariamente um papel cômico. Ele foi indicado pela sua performance como ator, e não como comediante (e esta é uma tendência que já existe há tempos no Emmy: antes de ser comédia, todos são atores. E a arte de atuar é analisada como critério principal). Além disso, apesar de ser um dos favoritos, tem atores mais aptos a vencer o prêmio.

Neil Patrick Harris (Bryan Ryan, Glee, FOX)

Neil Patrick Harris já se tornou figurinha carimbada na TV americana, e isso desde os tempos de Dougie House, M.D. Expandiu suas habilidades, sendo muito conhecido na Broadway, e se tornou um artista completo. Foi o apresentador do Emmy do ano passado, e faz um Barney Stintson sem igual em How I Met Your Mother.

Deve vencer o Emmy porque… na sua participação em Glee, mostra todas as suas habilidades: canta, dança, interpreta. Diante dos outros, é o talento mais destacado, e conta com muito prestígio no meio televisivo. É o mais forte indicado e favorito ao prêmio.

Pode perder o Emmy porque… surpresas acontecem. Além disso, não dá pra destacar Will Arnett, que tem um papel que está mais na memória dos votantes do que o de Neil.

Fred Willard (Frank Dunphy, Modern Family, ABC)

Um veterano no meio televisivo, com diversas participações na TV, tendo 3 indicações ao Emmy como sogro de Robert Barone, em Everybody Loves Raymond. Além de Modern Family, esteve recentemente em Chuck, Worst Week, Wall-E, Everybody Hates Chris, Back To You e Stargate SG-1.

Deve vencer o Emmy porque… seu personagem em Modern Family é engraçadíssimo. Só ele seria o pai ideal para Phil Dunphy, e as duas participações dele na série foram muito destacadas. Além disso, o ator é muito querido no meio televisivo, o que acaba ajudando na hora da votação.

Pode perder o Emmy porque…
apesar de Modern Family ser uma das grandes séries do ano, ter a concorrência de Glee acaba sendo um grande problema. E aí, Willard pode bater na trave pela quarta vez em sua carreira.

Eli Wallach (Bernard Zimberg, Nurse Jackie, Showtime)

Eli Wallach é mais do que um veterano da televisão dos EUA. É uma instituição, é a história da TV em forma de ser humano. O ator de 94 anos é o mais velho indicado ao Emmy Awards (ou seja, bateu Betty White, 88, e Elaine Stritch, 84, de longe), e tem uma lista de serviços prestados extensa e invejável: The Good, The Bad and The Ugly, O Poderoso Chefão – Parte III, diversos prêmios BAFTA, Tony Awards e alguns Emmy Awards. Na TV, você vai se lembrar dele em E.R. e Studio 60 on the Sunset Strip.

Deve vencer o Emmy porque…
ele aparece em Nurse Jackie para fazer um daqueles papéis carismáticos, que garantem prêmios: o velhinho, com a esposa, no hospital, ele doente, e ela crente que pode curá-lo com uma canja de galinha. A diferença é que Wallach faz isso de forma magistral, emocionante, soberba.

Pode perder o Emmy porque… Glee sempre é uma ameaça, pelo hype que a série tem (eu sei, vou me repetir nisso). Além disso, a visibilidade de Nurse Jackie é muito menor, e muita gente pode achar que o seu papel é mais dramático do que cômico. Inclusive os votantes.

Jon Hamm (Dr. Drew Baird, 30 Rock, NBC)

Em 2010, Jon Hamm fez algumas visitas em programas de comédia, principalmente na NBC. Talvez fosse para desanuviar o cérebro do seu papel de Don Draper em Mad Men. Devemos lembrar que ele esteve no Saturday Night Live nesta temporada, e não fez feio, muito pelo contrário: o esquete/paródia da série que ele faz na AMC é engraçadíssimo.

Deve levar o Emmy porque… surpresas acontecem. Sua participação em 30 Rock foi boa, é algo bem diferente do que ele faz em Mad Men, e mostra a versatilidade do ator.

Pode perder o Emmy porque… apesar de ser indicado por uma série de prestígio e querida dos votantes, como é 30 Rock, tem indicados na lista com atuações mais memoráveis. Nesta categoria, ele não é um dos favoritos.

Will Arnett (Devin Banks, 30 Rock, NBC)

Will Arnett, além de ser casado com Amy Poehler, é mais um dos bons comediantes que apareceram nesta década. Com muitas participações no cinema, também faz dublagens em comerciais e videogames. É mais conhecido do grande público pelo seu personagem em Arrested Development, e mais ainda em seu papel em 30 Rock. Também fez aparições em Parks And Recreation, para apoiar a esposa, e na próxima Fall-Season, será protagonista de Running Wilde, nova série da FOX.

Deve levar o Emmy porque… o personagem dele em 30 Rock (Devin Banks) é hilário. Ser o ultra-inimigo de Jack Donaghy, porém, com atitudes sexualmente ambíguas, o torna um dos personagens recorrentes mais engraçados da atualidade nas séries de comédia. Já foi indicado pelo papel em 2008, e este ano, pode ser a sua vez.

Pode perder o Emmy porque… de novo, Glee é sempre uma ameaça, e mais: Neil Patrick Harris é um dos indicados. E isso é um fator de dificuldade para qualquer indicado, mesmo que este indicado seja alguém tão engraçado como Arnett.