David Chase Portraits

Menos de 24 horas depois da notícia que Tony Soprano “não morreu”, David Chase, criador de The Sopranos (HBO), volta à mídia, para dizer que “não é bem assim que a banda toca”.

A matéria do site Vox cita Chase dizendo claramente que Tony Soprano (James Gandolfini) “não morreu” no series finale da série. Porém, Chase afirmou hoje (28) que suas palavras foram “mal interpretadas”.

Um representante do showrunner disse em entrevista ao site Variety que “o jornalista do Vox distorceu o que David Chase disse na entrevista. A citação de Chase dizendo que ‘Tony Soprano não está morto’ é imprecisa. Há um contexto muito maior para essa afirmação e, como tal, ela não é verdadeira”.

O representante de Chase ainda afirma que o autor pede que as pessoas não devem pensar nisso como uma questão prioritária.

“David Chase já disse por diversas vezes: ‘Não importa se Tony Soprano está vivo ou morto, esse não é o ponto.  Seguir buscando essa resposta é algo inútil. A cena final de The Sopranos levanta uma questão espiritual, que não tem uma resposta certa ou errada”, conclui o porta-voz.

via