O tempo vai passando, mas parece que Lost (ABC/AXN) acabou, mas não terminou. Durante o painel com Joss Whedon na Comic-Con 2010 em San Diego, J.J. Abrams foi questionado sobre o final da série da ABC, final este produzido por Damon Lindelof e Carlton Cuse.

Abrams diz: “mesmo que você tivesse planejado tudo com antecedência (…) você não faria a você mesmo algo que lhe prejudicasse. Eu sei que tem muita gente com opiniões divergentes, mas acho que Damon e Carlton arrasaram de forma incrível, e vieram com um final que terminou bem”. Abrams diz que os executivos querem produtos e séries que sejam reprisadas eternamente. Já ele, por sua vez, está mais interessado em programas que invistam nos personagens, com histórias que implicam algum tipo de progresso.

Whedom aproveitou a deixa: “eles (o homens fortes da TV) nunca vão admitir que as pessoas querem isso. Querem ver algo que faça com que a grana entre fácil, como em The Mentalist”. Abrams conclui:  “mesmo quando Lost virou um hit da TV, eles diziam para nós ‘nós não queremos isso’. Mas, aí, eu te pergunto: o que as pessoas se lembram mais de Cheers mesmo? Sam e Diane”.

Fonte