Brian-May-queen

Nem todo mundo é obrigado a gostar de tudo. Pelo contrário. Algumas pessoas simplesmente odeiam certas coisas, e não escondem isso de ninguém. Por exemplo, o guitarrista da lendária banda de rock Queen, Brian May, simplesmente detesta o reality musical The Voice (nos EUA na NBC, no Reino Unido, na BBC, e no Brasil, na Globo).

Para May, The Voice “é o programa mais entediante, mais burro e mais deprimente da TV. É o insulto definitivo à musica e aos artistas. Toda vez que vejo alguns cantores jovens arrebentando suas tripas para tentar ganhar a atenção de alguém, que está sentado de maneira rude, virado de costas para eles… eu tenho nojo”. Palavras de Brian May.

As declarações do músico foram feitas em seu site pessoal, e suas críticas não se limitaram ao formato do programa, mas também ao seu grupo de jurados, que no Reino Unido é composto por will.i.am, Kylie Minogue, Ricky Wilson e Tom Jones (mas que já contou com Jessie J e Danny O’Donoghue nas temporadas anteriores).

Para May, a performance é tudo o que o artista tem que oferecer, e merece ser considerada como o conjunto completo da avaliação do candidato. “Essa ideia muito estúpida de que alguém pode julgar um cantor ao virar as costas para ele, perdendo o contato completo, para mim, não faz qualquer sentido”, disparou o músico.

Para completar, May ainda deseja que o programa “tenha uma morte natural muito em breve”.

E isso porque Brian May não viu a versão brasileira do programa (The Voice Brasil), apresentada por Tiago Leifert, e com jurados “performáticos” como Claudia Leitte, Carlinhos Brown, Lulu Santos e Daniel…

Via Folha de São Paulo