Tom Brady

Pelo segundo ano consecutivo, a NBC fica com o título de canal mais visto junto à audiência qualificada nos EUA, pelos índices de audiência da temporada 2014-2015 – e isso, mesmo registrando queda nos números -. A CBS ficou com o título de canal mais visto da temporada na audiência geral.

Com uma média na demo 18-49 anos de 2.4, a NBC perdeu 11% de demo em relação ao ano passado, mas ainda assim ficou na frente da CBS por um décimo (2.3). É uma diferença de 120 ml pessoas entre 18 e 49 anos. Muito pouco.

Seria dispensável lembrar, mas o Super Bowl foi determinante para que a NBC fosse a campeã de audiência da temporada.

Nas demais, a ABC (2.2) foi a única que conseguiu aumentar a sua demo entre os principais canais abertos norte-americanos. Nem a Fox (1.9), que teve Empire como grande hit da temporada, conseguiu evitar a queda de 24% na demo (muito em parte porque exibiu o Super Bowl na temporada passada). A CW (0.8) se manteve estável.

Na audiência total, a CBS venceu a temporada pelo sétimo ano consecutivo, com média de 11.3 milhões de telespectadores, um ganho de 6%. Nesse índice, o canal foi o campeão em 12 dos últimos 13 anos. A NBC – pasmem – ficou em segundo lugar, com média de 8.6 milhões, uma queda de 6% (muito em parte por conta dos Jogos Olímpicos de Sochi que o canal exibiu no ano passado), seguida pela ABC, com 8 milhões na geral – e um aumento de 7% -, e pela Fox, com 5.8 milhões de média, e queda de 22% (já que nesse ano não exibiu o Super Bowl).

A CW teve uma média de 2.2 milhões de telespectadores, um aumento de 12% em relação ao ano passado. É a temporada com maior audiência do canal nos últimos 7 anos (Deus abençõe Jane the Virgin, Arrow, The Flash…).

A vitória da NBC se explica por alguns fatores. Para começar, o Sunday Night Football (jogo de domingo a noite do campeonato da NFL) é hoje o programa #1 de audiência no horário nobre. Basicamente eles repetem o efeito do Monday Night Football, que durante três décadas deu para a ABC as maiores audiências da TV na temporada.

Além disso, The Voice é o programa #1 entre os realitys, Law & Order: SVU teve a sua maior audiência em quatro anos, e The Blacklist – mesmo perdendo audiência depois de ser deslocada das segundas para as quintas – entregou para a NBC um aumento na audiência no seu horário nas quintas de ‘apenas’ 160%!

A favor da CBS, eles contam hoje com o drama mais assistido da TV (NCIS), uma primeira temporada de NCIS: New Orleans com ótimos índices, The Odd Couple também com excelente audiência, e os dramas dominicais com bons números (como Madam Secretary e The Good Wife). Sem falar é claro que eles contam com a comédia mais vista do país (The Big Bang Theory).

A ABC, que foi a única que aumentou a sua audiência, tem como destaques contar com quatro séries entre as 10 mais vistas da temporada (Modern Family, Scandal, How to Get Away With Murder e Grey’s Anatomy), e quatro dos dramas mais vistos (toda a quinta-feira das séries de Shonda Rhimes, mais Once Upon a Time).

Aliás, as ‘quintas de matar de Shondão’ (ou #TGIT) entregou um aumento de audiência para a ABC nas noites de quinta-feira de 19%. O bloco de comédias das quartas-feiras aumentou sua demo em 19%, com os melhores números em 3 anos (efeito black-ish).

Para a Fox, ficou com a honra de ter a série nova mais assistida da temporada (Empire), que também tem a melhor demo média da temporada, superando nada menos que The Big Bang Theory. Além disso, MasterChef Junior foi o único reality que ganhou audiência na temporada, enquanto que Brooklyn Nine-Nine foi uma das três séries na segunda temporada a ganhar audiência.

Via