The Voice - Season 5

Ver The Voice como líder de audiência nas noites de segunda-feira não é uma novidade. A grande novidade da noite de ontem (07) foi a queda de audiência das séries da CBS, algo que não é todo dia que se vê.

CBS | Todas as comédias da CBS registraram queda de audiência nos episódios exibidos na noite de ontem. Na ordem de audiência e demo 18-49 anos: How I Met Your Mother (7.4 milhões/2.9), We Are Men (5.4 milhões/1.8), 2 Broke Girls (7.2 milhões/2.2 – essa é a audiência mais baixa da história da série), e Mom (6.7 milhões/2.0).

Porém, a maior perda foi de Hostages. O terceiro episódio (dos 15 programados para a série) deu uma audiência de apenas 5.2 milhões, e uma demo de apenas 1.2. Perdeu mais 20% em relação à semana anterior. Só para comparar: o final de temporada de Hawaii Five-o (que era exibida no seu horário na temporada passada) exibido em maio deu 9 milhões de audiência, e uma demo de 2.0. Até mesmo Made in Jersey teve mais audiência (6.7 milhões), apesar de perder na demo (0.8).

Ou seja, não se apeguem. Hostages tem tudo para ser cancelada.

CW | o canal teen estreou a nova temporada de Hart of Dixie com uma audiência de 1.2 milhão, e demo de 0.4. Além disso, também tivemos a volta de Beauty and the Beast, com a mesma audiência de 1.2 milhão e demo de 0.4. As duas perderam um décimo em relação aos finais de temporada exibidos em maio, e foram melhores em relação às estreias de temporada de 90210 (1 milhão/0.4) e Gossip Girl (780 mil/0.4).

ABC | Dancing With the Stars teve uma audiência de 13 milhões, com uma demo de 2.1, enquanto que Castle ficou com 10.8 milhões de audiência, com uma demo de 2.0.

Fox | Na Fox, Bones ficou com 7.1 milhões de audiência, e demo de 2.0 (-2%), enquanto que Sleepy Hollow teve 7.8 milhões de audiência, com demo de 2.7 (-10%).

NBC | Por fim, o vencedor da noite: The Voice ficou com 14.3 milhões na audiência, com uma demo de 4.5 (-2%), enquanto que The Blacklist (que garantiu uma encomenda para uma temporada completa na semana passada) ficou com 11.3 milhões, com uma demo de 3.2 (-1%).

Via THR