Reigning Pain in New Orleans

Não é sempre que a CW começa um post de análise de audiência. Mas, dessa vez, eles merecem destaque. As duas séries exibidas na noite de ontem (03) receberam destaque positivo, com números elevados.

O fall finale de The Originals entregou para o canal “apenas” a maior audiência da série, com 2.44 milhões de telespectadores, e a maior demo 18-49 anos de sua atual temporada (1.1). Supernatural também teve números expressivos, com 2.45 milhões na audiência geral, sendo esta a melhor audiência da atual temporada da série, e empatou com a maior demo registrada na temporada, também com 1.1.

Os números da CW foram tão bons, que essa foi a maior audiência do canal em uma noite de terça-feira nos últimos cinco anos.

Nos demais canais, a Fox apresentou os finais de meia temporada de Dads (3.3 mi/1.4), que ganhou dois décimos na demo, Brooklyn Nine-Nine (3.7 mi/1.6) ganhou um décimo, e The Mindy Project (2.4 mi/1.2) perdeu dois décimos, uma vez que teve a companhia de uma reprise de New Girl na sua janela de programação.

Na NBC, The Biggest Loser (6.7 mi/2.0) se manteve estável. Já The Voice (11.9 mi/3.3), que chega na sua fase decisiva, ganhou 14% e três décimos em relação a semana anterior, e Chicago Fire (8.25 mi/2.3) ganhou 14% e dois décimos. Esta última tirou vantagem do fato da CBS exibir uma reprise de Person of Interest no mesmo horário.

A ABC exibiu uma reprise de Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D., um inédito de The Goldbergs (4.5 mi/1.4), que perdeu dois décimos na demo, registrando a sua marca mais negativa da temporada, e um inédito de Throphy Wife (3.5 mi/1.1) perdeu um décimo.

A CBS, tal como eu já adiantei um pouco acima nesse post, decidiu viver de reprises na noite de ontem (uma vez que conseguem grande audiência ao longo do ano todo). Mesmo assim, e sem fazer nenhum esforço, eles conseguiram 10.1 milhões de audiência na média geral da noite, ficando na segunda posição entre os grandes canais abertos.

Via