Não queremos ficar muito atrasados com esse lance de ficar medindo audiência, mas como ontem foi feriado e no final de semana tinha um monte de coisas acontecendo, ficou inviável escrever. Mas vamos colocar então o resumo de dois dias, para que vocês fiquem em dia do que está acontecendo lá fora.

Começando pela quinta-feira, 11 de novembro, onde The Office promoveu o Viewing Party. O pessoal da Dunder Mifflin resolveu assistir a um episódio de Glee, para ver se alavancava um pouco no seu horário na NBC. Não deu muito certo, pois ficou apenas nos 7,7 milhões (3.8), caindo um pouco na média nacional. O motivo disso é que algumas afiliadas da NBC resolveu transmitir o jogo de quinta-feira a noite do futebol americano. Isso criou alguns reflexos em diversas séries: Community voltou a cair, com 4,9 milhões (2.1), 30 Rock teve leve subida, com a participação de John Slattery, de Mad Men, registrando 5,7 milhões (2.6), Outsourced também subiu, com 6 milhões (2.8) e The Apprentice, apesar de só marcar 4,6 milhões (1.6), registrou alta de 14%, sendo a mais alta subida na temporada.

Na CBS, a liderança nas quintas-feiras já não é mais tão folgada assim: The Big Bang Theory marcou 13.1 milhões (4.2), e registrou queda de 11%, enquanto que $#*! My Dad Says marcou 9.7 milhões (2.8), com queda de 18% (aliás, não sabemos porque a série de William Shatner foi exibida na quinta-feira). CSI ficou com 12,9 milhões (2.8), perdendo 15%, e The Mentalist ficou com 13,8 milhões (2.8), perdendo 7%, sendo esta a sua audiência mais baixa da temporada.

Já nos lados da ABC, Grey’s Anatomy ficou com 11 milhões (4.0), com queda de 7% e Private Practice marcou 8,3 milhões (2.9), tendo queda de 26% em relação ao episódio especial da semana passada. Na Fox, Bones marcou bons 9.1 milhões (2.5) e Fringe registrou preocupantes 4.8 milhões (1.8). Por fim, a CW comemora a audiência de The Vampire Diaries, com 3,5 milhões (1.6) e Nikita marcou bons 2.3 milhões (0.9).

Bom, agora vamos para a sexta-feira, 12 de novembro.

Teri Hatcher, hoje conhecida como Susan Delfino de Desperate Housewives, mas a eterna Lois Lane da série clássica da ABC Lois & Clark, apareceu no episódio desta semana de Smallville (CW), atuando como a mãe de Lois Lane. Com isso, a produção marcou 2,9 milhões (1.3), tendo um aumento de 18% e quase vencendo na audiência no seu horário (quem diria que a gente fosse dizer que uma série da CW iria vencer em seu horário). Foi a audiência mais alta da temporada. Porém, isso não ajudou a aumentar a audiência de Supernatural, que ficou nos 2.1 milhões (0.9).

A CBS venceu a noite de sexta, com Medium ficando nos 6,9 milhões (1.4). Aliás, ontem a noite recebemos a notícia de que Patricia Arquette informou ao EW que Medium está cancelada, não tendo uma oitava temporada encomendada pela CBS, e sua produção de episódios, que inicialmente era de 22, caindo para 13 episódios. CSI: NY ficou com 10 milhões (1.7) e Blue Bloods ficou com 10,5 milhões (1.6).

A NBC ficou meio escondida, com School Pride, com 2,4 milhões (0.6) e Dateline, com 5,9 milhões (1.4), ganhando pouca coisa de audiência. Mas feio de novo ficou para a Fox, que perdeu de novo para a CW, com The Good Guys, que ficou com 2,4 milhões (0.7), registrando mais uma queda no seu histórico de audiência. Talvez a Fox esteja transmitindo os demais episódios só para encerrar a temporada, pois certamente a série não será renovada.

Fonte e Fonte