series de comedia

 

Seguimos com o resumo de 2016. Agora, temos as séries  melhores séries de comédia da temporada, que foram as mais engraçadas, ou que apostaram no humor inteligente, tirando sarro da sociedade atual.

O resumo dos últimos 12 meses das séries de comédia pode ser um processo doloroso na busca das mais inovadoras, avançadas e de maior qualidade. E nem sempre vai agradar a todos.

Lista a seguir.

 

 

10. INSECURE

 

 

O retrato das melhores amigas Issa e Molly mostrou uma análise honesta de como é a vida das mulheres afro-americanas em diversos escritórios espalhados pelos Estados Unidos.

Apresentando uma imagem moderna do romance, sexualidade e da amizade, Insecure nunca deixou de lado a sua proposta de humor inteligente, com uma abordagem até ousada para um mundo ainda politicamente correto.

 

 

9. BROAD CITY

 

 

Estabilizadas como duas das mais fortes vozes da comédia na TV, Abbi Jacobson e Ilana Gazer seguem sua jornada de entregar episódios inovadores, em mais uma comédia descolada.

 

 

8. VEEP

 

 

A quinta temporada de Veep pode ser considerada a melhor até agora. Julia Louis-Dreyfus no seu melhor como Selina, e em um ano onde sofreu duas perdas sentidas: sua mãe e as eleições.

Por causa do trabalho excelente de roteiro, produção e elenco, é a série vencedora do Emmy Awards 2016 com méritos.

 

 

7. GILMORE GIRLS: A YEAR IN THE LIFE

 

 

É difícil de imaginar como foi hercúlia a missão do Time Palladino para esse remake sair. Não apenas para dar uma conclusão satisfatória à série, mas também para fazer tudo funcionar quase dez anos depois do fim.

Temos um acerto duplo aqui. A sequência em quatro partes deu aos fãs o que eles esperavam, e de forma mais miraculosa ainda, produziu alguns dos momentos mais emocionantes da franquia.

Muita gente já espera por mais.

 

 

6. CRAZY EX-GIRLFRIEND

 

 

A adorável obcecada Rebecca Bunch ficou ainda mais louca na segunda temporada, deixando a comédia musical da CW ainda melhor.

O discurso de quebra de quarta parede, com um charme feminista, que entrega um impacto emocional real. Rachel Bloom venceu o Globo de Ouro com méritos, e isso pode ajudar a manter a série no ar.

 

 

5. BOJACK HORSEMAN

 

 

A comédia de humor negro da Netflix sobre o cavalo auto destrutivo de Hollywood reforçou a sua brilhante perspectiva na terceira temporada, levando seus personagens ao limite.

Com jornadas emocionais não convencionais, efeitos visuais envolventes e uma ótima trilha sonora, mostra que vai além de ser uma série sobre um animal.

 

 

4. BLACK-ISH

 

 

Modern Family é coisa do passado. A moda agora é acompanhar a vida dos Johnsons, comandados por Anthony Anderson e Tracee Ellis Ross.

Com um elenco alinhado e roteiristas abordando temas que mostram o disparate de identidade birracial da série, Black-ish caiu mesmo no gosto do americano médio. Principalmente quando mostrou sua coragem e qualidade para abordar um dos assuntos mais polêmicos dos últimos tempos: a brutalidade da polícia norte-americana contra os afro-americanos.

 

 

3. DIFFICULT PEOPLE

 

 

A segunda temporada da série do Hulu mostrou como a bagagem dos personagens apenas complica o equilíbrio do ser na atuação. E como isso pode ser fascinante para o telespectador. Em alguns casos, podemos facilmente identificar nossos temores e escolhas nesses personagens.

 

 

2. ATLANTA

 

 

Vamos deixar claro uma coisa: a comédia de Donald Glover no FX é engraçada, com tiradas de humor inteligentes e até bem absurdas (black Justin Bieber é um claro exemplo).

Mas Atlanta também é uma meditação de 30 minutos sobre uma raça na América, um exame sobre a moderna masculinidade, através de uma emergente carreira de um rapper e inspirada nos primeiros anos da vida profissional de Glover, e em como ele aos poucos vai alterando seu destino.

 

 

1. UNBREAKABLE KIMMY SCHMIDT

 

 

A Netflix mostra com essa série que as mulheres são fortes. A histérica segunda temporada de Unbreakable Kimmy Schmidt mostra toda a força e excentricidade feminina, ao mesmo tempo que mostra o crescimento dessas personagens, as boas interações dos homens da série, e participações especiais do peso de Tina Fey e Lisa Kudrow.