superman-screen_shot-h_2016

 

A série Smallville completou 15 anos de sua estreia. Nem parece que faz tanto tempo. Sério mesmo.

Aliás, a gente nem imaginava em cria o SpinOff, e Smallville já estava no ar. Ela estreou no dia 16 de outubro de 2001, ainda no canal The WB Network, que cinco anos depois se transformaria em CW, na joint venture com a UPN.

A série durou dez temporadas, e chegou ao fim em 13 de maio de 2011… com saldo positivo.

Falo sério!

 

Smallville tem mais crédito do que débito. Acredite, se quiser…

 

A série teve alguns méritos. Um deles foi deixar Tom Welling congelado no tempo como um adolescente ou jovem adulto, mesmo tendo mais de 30 anos quando terminou a série.

Outro mérito importante foi ser a série protagonizada pelo Homem de Aço com maior longevidade e sucesso na TV. Sem falar que todos puderam acompanhar a história do Superman antes dele se tornar Superman.

Era um arco interessante, que muitos fãs do personagem ansiavam por acompanhar de forma minimamente digna. E isso aconteceu. Bom, aconteceu até a morte de Jonathan Kent na série, na minha modesta opinião.

O principal desafio do jovem Clark Kent era manter o seu maior segredo escondido do mundo. Para isso, enfrentou vários inimigos e perdeu inúmeras amizades. Esse conflito psicológico onde ele tinha que inclusive esconder a verdade dele mesmo foi o grande mérito da série ao longo de dez temporadas.

Smallville pode ter virado galhofa no seu final, e compreendo o descontentamento dos fãs.

Mas podemos dizer que esta é, sem sombra de dúvidas, uma das séries mais importantes da curta história da CW.

Se temos hoje tantas séries de heróis na grade do canal, foi porque Smallville deu certo.